REDES:

_

Ceará Diesel enfatiza DD's da Marcopolo e Busscar em Happy Hour Neuri Tur convida busólogos para aproximação Sindiônibus convida MOB Ceará para conversa sincera sobre mobilidade urbana MOB Ceará visita as instalações da Ferrari JG - Marcopolo MOB confere novos micros e rodoviários da Princesa Busólogos conhecem DD de 15 metros da Neqta

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Doe um Fone a um Funkeiro

É comum hoje em dia encontrar alguém dentro do coletivo, ouvindo música em alto volume. O pior é que em sua maioria, as letras contém palavras indecentes, letras de duplo-sentido e ainda outras incentivam liberalmente a prática do sexo. Um banner/campanha tem se espalhado nas redes sociais com o tema Doe um fonde a um funkeiro, o produtor visual do mesmo, tentou informalmente criticar as pessos que tiram o sossego da viagem de alguns.

Campanha

Deixamos claro por meio desta matéria que não é o estilo musical funk que está sendo criticado, todos os outros também estão, forró, dance, gospel, sertanejo e etc. A corrente acima foi feita como brincadeira ou passa-tempo de compartilhamento em redes sociais, mas podemos usá-la em nosso dia-a-dia. Use o fone de ouvido e curta a sua viagem.

Fonte: Paraiba Bus

domingo, 29 de janeiro de 2012

A caminho os ônibus primeiros 2012 para Viação Fortaleza

A Viação Fortaleza com a sua politica de renovação de frota, mais uma vez traz Marcopolo Torino, os novos carros 2012 estão a caminho de Fortaleza, e foram avistados na cidade de Muriaé-MG, pelo busólogo José Goulart.
Marcopolo Torino, foram vistos 3 unidades em direção a Fortaleza

Os novos Torinos são do tipo leve e com três portas, o que indica que eles serão fixados nas linhas de bairro-terminal, como a linha 815,825 ou 311.

Fonte: MOB Ceará
Foto: José Goulart

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

A caminho os ônibus primeiros 2012 para Siará Grande

Novamente a Siará Grande pode ser a primeira empresa a adiquirir carros 0km em 2012 puro sangue, já estão prontos no pátio da Marcopolo no Rio de Janeiro, cerca de 4 carros, todos Torino com motorização MBB OF-1722M, já é aguardada com expectativa a chegada deles a nossa cidade.

Confira agora as fotos de Alexandre Fagundes com exclusividade para o MOB Ceará.


No ano de 2011, os primeiros carros que chegaram foram para Siará Grande, respectivamente os carros 14101 ao 14105.


Este de ano de 2012 promete bastante na renovação de frota de todas as empresas do SIT, já que a licitação do transporte de Fortaleza vem por aí.


Fonte: MOB Ceará
Fotos: Alexandre Fagundes

Linhas de ônibus são desviadas após interdição de trecho da rua Costa Barros

As obras de restauração da rua Costa Barros atingem o trecho entre as avenidas Ildefonso Albano e Dom Manuel nesta sexta-feira (27). Com isso, haverá alteração das rotas de algumas linhas de ônibus que passam pela região da cidade.


Serão realizados serviços de terraplenagem, drenagem, pavimentação, padronização das calçadas e sinalização das vias. A previsão é de que as intervenções estejam concluídas em 180 dias.

Confira as alterações na rota dos transportes coletivos:
 
As linhas 037 – Cj. Ceará/Aldeota (Corujão); 076 – Cj. Ceará/Aldeota; 079 – Antônio Bezerra/Náutico farão o seguinte percurso: Av. Santos Dumont, Rua Tibúrcio Cavalcante, Rua Costa Barros, Av. Barão de Studart e seguirão o itinerário vigente;
As linhas 031 – Av. Borges de Melo I; 034 – Av. Paranjana I (Corujão); 038 – Parangaba/Papicu; 042 – Antônio Bezerra/Francisco Sá/Papicu; 048 – Parangaba/Papicu (Corujão); 086 – Bezerra de Menezes/Santos Dumont; 833 – Cidade 2000/Centro farão o seguinte percurso: Av. Santos Dumont, Rua Tibúrcio Cavalcante, Rua Ten. Benévolo, Av. Dom Manoel e seguirão o itinerário vigente.


Fonte: Jangadeiro OnLine
Foto: Google/J. Machado

quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

IPVA: transporte alternativo é isento

Ontem foi dia de comemoração para os trabalhadores de cooperativas do transporte complementar do Interior do Ceará. O governador Cid Gomes assinou mensagem, a ser encaminhada para Assembleia Legislativa, isentando a categoria do pagamento do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) e concedendo redução de até 75% no pagamento da taxa mensal de regulação da Arce (Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados do Estado do Ceará).

Governador Cid Gomes almoçou ontem com cooperados após visita ao Centro de Eventos

Cerca de mil veículos serão beneficiados, segundo dados do Detran. Eles estão inseridos na linha radial, o que exclue os veículos da região metropolitana e de Fortaleza. As duas medidas são reivindicações das cooperativas do transporte complementar, que foram apresentadas ao governador no início de dezembro passado. O IPVA será isento para carros novos e usados. A taxa da Arce sofrerá redução de 50% para trabalhadores da região Crajubar (Crato, Juazeiro do Norte e Barbalha) e de 75% para o restante do interior. Segundo o presidente da Federação de Cooperativas de Transportadores Autônomos de Passageiros do Ceará (Fecoopace), César Nobre, é injusto um valor igual para linhas do interior e da Capital, que têm faturamento e demandas diferentes.

Economia


Pelos cálculos da entidade, as medidas vão gerar uma economia de, no mínimo, R$ 2 milhões ao ano. "Esse valor poderá ser investido no sistema", afirma Nobre. "Vamos fazer um planejamento para gerar um retorno qualitativo, como renovação da frota e treinamento para motoristas, cobradores, fiscais e dirigentes das cooperativas".

César Nobre destaca ainda a possibilidade de fortalecer as cooperativas que trabalham com transporte de turistas. "Das 26 cooperativas filiadas à Fecoopace, apenas quatro estão ligadas ao turismo", afirma. "Ainda estamos engatinhando neste setor, mas esperamos crescer".

Fonte: Carol de Castro
Foto:J. Machado/Kid Júnior

Trecho da José Bastos é liberado

A Autarquia Municipal de Trânsito, Serviços Públicos e de Cidadania de Fortaleza (AMC) anunciou ontem, que irá liberar, a partir de amanhã, a pista sentido sul-norte (sertão-praia) da Avenida José Bastos.

A via está interditada desde 2009 para obras de construção de um viaduto no cruzamento com a Rua Padre Cícero e do túnel por onde o metrô de Fortaleza irá circular. A outra pista, sentido norte-sul (praia-sertão), continua interditada, com previsão para ser liberada em dezembro deste ano.


MudançasSegundo dados da AMC, o fluxo de veículos naquele trecho, considerando o sentido sul-norte, é de, aproximadamente, 12.700 veículos/dia. Já no sentido norte-sul, são 17.900 veículos/dia. O fluxo total naquela área é de 30.600 veículos/dia circulando.

Para viabilizar esta liberação, o órgão de trânsito municipal vai realizar algumas mudanças de sentido nas ruas Delmiro de Farias e Alexandre Baraúna. As vias retornarão ao fluxo que tinham originalmente antes do início das obras. Essas intervenções irão beneficiar o tráfego de veículos na Avenida João Pessoa, onde o fluxo foi desviado.

As alterações de sentido acontecerão hoje, dia 26, a partir das 20h, com serviços de recuperação da sinalizações verticais e horizontais. Além disso, o semáforo instalado provisoriamente no cruzamento da Avenida João Pessoa com a Rua Delmiro de Farias será desativado. A Rua Alexandre Baraúna volta a ter o sentido leste/oeste no trecho entre as ruas major Pedro Sampaio e Filgueiras Lima.

Já a Rua Delmiro de Farias terá modificações nos seguintes trechos: entre as ruas Major Pedro Sampaio e Papi Júnior, sentido duplo; entre a Rua Papi Júnior e Avenida José Bastos: sentido oeste/leste; entre as avenidas José Bastos e João Pessoa: sentido duplo; entre a Avenida João Pessoa e a Rua Carlos Câmara: sentido oeste/leste; entre as ruas Carlos Câmara e Júlio César: sentido duplo.

Nesta sexta-feira, com a liberação da pista sentido sul-norte da José Bastos, será instalado um semáforo provisório no cruzamento da Rua Padre Francisco Pinto com Avenida Carapinima. Todas as intervenções contarão com o apoio de agentes de trânsito, que permanecerão nos cruzamentos afetados até a normalização do fluxo total.

Linhas de ônibus
Com a mudança de sentido das vias, três linhas de ônibus mudarão o percurso. As alterações processadas serão na linha 032, Avenida Borges de Melo II, cujo desvio se dará pela ruas Júlio César e Alexandre Baraúna; linha 060, Parquelândia/Parangaba e 080, Francisco Sá/Parangaba, cujo desvio ocorrerá pela ruas Samuel Uchôa, Carlos Amora e professor Costa Mendes.


As pistas da José Bastos, no Benfica, foram interditadas em outubro de 2009 para a construção do viaduto da Avenida. Padre Cícero. Além disso, a Companhia Cearense de Transportes Metropolitanos (Metrofor) iniciou, naquele trecho, a construção do túnel por onde o metrô de Fortaleza irá circular.

Previsões
Há expectativa de que os outros trechos em execução pelo Metrofor sejam liberados ao longo de 2012, o primeiro foi o da Avenida. Wenefrido Melo. Em seguida, virá Padre Cícero com José Bastos (via sertão-praia), previsto para acontecer esta sexta-feira; Padre Cícero com José Bastos (via praia-sertão), com data marcada para dezembro deste ano; Avenida Tristão Gonçalves entre Liberato Barroso e Guilherme Rocha, onde será instalada a Estação Praça da Lagoinha, a intervenção deve ser concluída em setembro de 2012; já a Tristão Gonçalves com a Castro e Silva, para receber a Estação Centro, a passagem inferior Ouro Branco e a passagem de nível Rua Benjamim Brasil, estão previstas para fevereiro de 2012.

Fonte: Diario do Nordeste
Foto: Diário/J. Machado

quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Fortaleza é a cidade brasileira com passagem de ônibus mais barata

Fortaleza  é a cidade com tarifa de ônibus mais barata do País, dentre os locais com sistema integrado e de mesmo porte. A conclusão é do balanço divulgado pela Associação Nacional de Transportes Públicos (ANTP), referente ao preço da passagem de ônibus em municípios com população acima de 500 mil habitantes

Segundo o estudo, dados referentes ao mês de janeiro apontam que seis capitais tiveram aumento tarifário, enquanto o município cearense não registra reajuste deste março de 2011, quando a passagem convencional passou de R$ 1,80 para R$ 2,00 e foi criada a Hora Social, sistema que reduz o valor da tarifa para R$ 1,80 nos dias comuns, de segunda a sábado, de 9h às 10h e de 15h às 16h. 


A Prefeitura de Fortaleza atribui o resultado à desoneração tributária, que reduziu em 50% o Imposto Sobre Serviço (ISS) e em 50% a alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS) sobre o óleo diesel dos veículos das empresas operadoras do transporte coletivo regular.

Fonte: O Povo
Foto: Fabiano Dodt/J. Machado

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Onde está você 999 da CTC ???

Hoje vamos saber por onde anda o carro 999 da CTC, este carro que esteve aqui em Fortaleza, para testes em meados de 1999, trata-se de um Marcopolo Torino GV Articulado com chassi Volvo B10M, placas AGM-4802.

Veículo operou na linha 052-Grande Circular 02

Mas depois de poucos dias foi desativado indo para o Rio de Janeiro-RJ, onde operou durante algum tempo na empresa Futuro Transportes com numeração 30146, depois operou na Auto Diesel com numeração 11000.

E no Rio de Janeiro tem gente que nem lembra que ele operou por lá

Logo após este longo período de testes em várias empresas ele encontrou seu lugar, hoje em dia ele transporta funcionários da DAIL-Destilaria de Álcool de Ibaiti Ltda, na cidade de Ibaiti-PR.

Hoje em dia faz um serviço leve de transporte de funcionários
Fonte: MOB Ceará
Foto:  SerBus Miniaturas/Acervo Connection Bus/Julian Tessaro Lopes

Guanabara hoje interliga mil locais

No rol dos quatro maiores contribuintes no segmento de serviços de comunicação, combustível, energia e transporte, um dos premiados é a Expresso Guanabara, ao lado da OI, Coelce e Lubnor.

Interligando as principais capitais das regiões Nordeste, Norte e Centro-Oeste, a Expresso Guanabara existe desde 1º de agosto de 1992.

Com sede em Fortaleza, suas rotas chegam hoje a mais de 1.000 localidades. São cerca de 400 veículos, uma das frotas mais novas do País, com média de idade de apenas 1,8 ano. Estes números colocam a empresa entre as cinco maiores do País no segmento de transporte rodoviário de passageiros. Foi pioneira na utilização do ar condicionado, equipando toda a frota.

A manutenção preventiva realizada pela Guanabara oferece mais segurança e comodidade aos usuários. Todo o sistema de manutenção é controlado através de software próprio desenvolvido especificamente para controle de grandes frotas.



A equipe de colaboradores da Guanabara passa periodicamente por reciclagens através de cursos nas áreas técnicas ministradas pela fábrica Mercedes Benz, pelo Senai e pelos fabricantes de autopeças, além de treinamentos específicos na área de Recursos Humanos. A Guanabara também dispõe de garagens e pontos de apoio nas principais cidades da região Norte, Nordeste e Centro Oeste, com o objetivo de oferecer o máximo de segurança durante as viagens.



Fonte: Diário do Nordeste (20/01/12)
Fotos: J. Machado/Peterson Pedrossa

Túnel do Tempo

Há 5 anos atrás 

Oitenta mil carteiras de estudante em circulação na cidade foram canceladas ontem pela Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza S/A (Etufor). A medida, conforme informação do órgão municipal, atingiu basicamente as cédulas estudantis pertencentes a pessoas que não tiveram seus nomes confirmados por instituições de ensino para o processo anual de revalidação das carteiras. Esse procedimento vem sendo posto em prática desde o ano passado pela Etufor. 

O bloqueio pegou muita gente de surpresa logo pela manhã. As pessoas não entenderam a razão do documento não funcionar na hora de pagar a passagem em ônibus e veículos de transporte alternativo. A maior reclamação dos usuários era a de que não houve divulgação antecipada para o público sobre o cancelamento, o que chegou a deixar algumas pessoas em dificuldade, por só dispor dos R$ 0,80 para pagamento da meia. 

Segundo Demitri Cruz, chefe da coordenadoria de Participação Comunitária da Etufor, as reclamações só ocorreram porque dessa vez o bloqueio atingiu um lote maior de carteiras, mas essa é uma medida que já vinha sendo adotada no decorrer do ano passado, a cada vez que o banco de dados do serviço de emissão dos documentos era atualizado. Cruz disse que o sistema é alimentado com as informações enviadas pelas escolas sobre os alunos matriculados. 

Ele admite que, em meio a um processo que envolve 600 mil pessoas, é possível que tenha ocorrido algum erro. Sendo assim, o estudante prejudicado injustamente deve apresentar uma declaração da escola na qual está matriculado confirmando sua condição de aluno. Assim, ele poderá revalidar sua carteira. O atendimento está sendo feito nos postos disponíveis na sede da Etufor (avenida dos Expedicionários, 5677, na Vila União) ou nos terminais da Parangaba e do Papicu. 

A empresa está disponibilizando no site www.etufor.ce.gov.br um serviço para consultas sobre a situação das carteiras de estudante. As informações também podem ser prestadas pelo telefone 0800.280.1510 (ligação gratuita). Em princípio, Demitri Cruz diz que a meta foi bloquear carteiras pertencentes a pessoas que não são mais estudantes e continuavam usufruindo irregularmente do benefício de pagar meia passagem. 

Ele informa que a avaliação e a conferência dos cadastros enviados pelas escolas foi um procedimento bastante demorado, a fim de permitir que o bloqueio dos irregulares pudesse ser feito com segurança. Ele acrescenta que desde que o processo de revalidação das carteiras foi adotado, no início de 2006, que as entidades estudantis e as escolas foram informadas dos procedimentos que lhes compete nessa questão. 

Os usuários com a carteira bloqueada e que não tinham dinheiro para pagar o valor da passagem inteira, tiveram de descer do ônibus pela porta traseira. "Foi humilhante", disse um usuário que preferiu não se identificar. Sobre isso, Paulo César Vieira, superintendente do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Ceará (Sindiônibus), disse que as 80 mil pessoas atingidas pela medida vinham pagando meia irregularmente e, portanto, na hora que a Etufor adotou o bloqueio, as empresas teriam de cumpri-lo. "De nossa parte não poderíamos conduzir essas pessoas até o destino final pagando meia passagem, se elas já perderam esse direito. Do contrário, o cobradores teriam que tirar do bolso para complementar a renda", explicou. 

O CIDADÃO - CONSTRANGIMENTO E VERGONHA
Vergonha e ao mesmo tempo raiva pelo constrangimento que passou no interior do coletivo. Assim, a funcionária pública Isa Leite, 52, definiu o que sentiu ao pegar o ônibus para ir ao trabalho ontem e, ao chegar a roleta, ser informada pelo cobrador que sua carteira havia sido bloqueada. "Se eu tivesse só os R$ 0,80 da passagem, onde ia colocar minha cara?", disse ela, lamentando a falta de informação ou um simples aviso à população por parte da Etufor, esclarecendo a medida. Isa disse ainda se sentir injustiçada pelo cancelamento de sua carteira, uma vez que continua  estudando para concluir o ensino médio, por meio de telecurso ministrado na repartição estadual que trabalha.

Fonte: Rosa Sá/Jornal O Povo
Foto: Etufor

domingo, 15 de janeiro de 2012

Mercado de carrocerias de ônibus vai desacelerar até 8% em 2012

As vendas de carrocerias de ônibus no mercado interno devem esfriar de 6% a 8% em 2012, para cerca de 29 mil unidades. A previsão foi divulgada pelo Simefre, sindicato da indústria de equipamentos ferroviários e rodoviários, na terça-feira, 6. Apesar disso, a entidade prevê expansão de até 10% nas exportações com a comercialização de cerca de 4,5 mil carrocerias em outros países.

José Antônio Martins, presidente do sindicato e da Marcopolo, lembra, no entanto, que as previsões podem variar de acordo com o desenrolar da crise econômica na Europa. “É difícil traçar uma perspectiva segura para o próximo ano”, afirma. O início da novaetapa da legislação para veículos com motor a diesel, Proconve P7, também incentivará a redução nas vendas. Mesmo nesse cenário o executivo avalia que a queda não é preocupante. Ele lembra que, se o mercado evoluir de acordo com a previsão, os negócios voltarão ao patamar de 2010, um ano de bons volumes para as encarroçadoras.


 O dirigente também aposta nas bases fortes da economia nacional. Entre os pontos positivos citados por Martins estão a estabilidade política, o fato de 2012 ser um ano eleitoral, o sistema bancário regulamentado e as expectativas do crescimento da produção de commodities e dos investimentos para a exploração de petróleo na camada pré-sal.

Crescimento em 2011
 

Os encarroçadores de ônibus vão encerrar 2011 com expansão. A projeção do Simefre é de que o País, que está em quarto lugar no ranking dos maiores fabricantes do mundo, produza cerca de 35 mil unidades este ano, com avanço de 8,3% sobre o resultado de 2010. O mercado interno deve alcançar 31,5 mil carrocerias, com alta de 11%.

O desempenho positivo foi estimulado pelo PSI, Programa de Sustentação do Investimento do BNDES, que oferece condições especiais de financiamento para médias empresas. O aumento do poder aquisitivo da população também foi fator importante. Com renda maior, os brasileiros passaram a viajar mais e estimularam a aquisição de ônibus pelas empresas.

 
Ao contrário das vendas internas, as exportações fecharão 2011 em queda de 9%, para pouco mais de 4 mil unidades. Juntas, as fábricas do setor instaladas no Brasil têm capacidade produtiva de até 42 mil carrocerias por ano. Cerca de 88% da produção local atende ao mercado interno, com apenas 11% a 12% destinado à outros países.



Fonte: Giovanna Riato
Foto: Revista Abrati/André Ferreira

Túnel do Tempo - Há 46 anos atrás

HÁ 46 ANOS ATRÁS - EM PONTO DE PARTIDA

Data:
15/01/1966


Descidos das carretas que os trouxeram de São Paulo, os três primeiros ônibus elétricos que circularão em Fortaleza, provavelmente, em março próximo, já estão sobre suas próprias rodas, em condições, portanto de circulação. 

Os veículos ainda continuam expostos à curiosidade publica, na Praça da Sé, devendo, dentro de alguns dias, sendo transportados para a garage, de Limpeza Pública, na av. Tristão Gonçalves. De acordo com o contrato entre a Prefeitura e a firma transportadora, mais três ônibus chegarão a esta capital dentro de 30 dias.


Fonte: Jornal O Povo
Foto: Paulo Campelo

sábado, 14 de janeiro de 2012

Fotográfo do dia

No quadro de hoje no trazemos a foto do busólogo Narcísio Santos, ele que estava saida do terminal Siqueira(Osório de Paiva) quando colheu este click. 

Ônibus operando a linha 360-Siqueira/João Pessoa

O carro da foto é 43702, um Marcopolo Torino MBB OF-1418, recém adquirido pela empresa Cearense, o veículo pertencia a empresa Fortaleza.

Fonte: Mob Ceará
Foto: Narcísio Santos

Marcopolo entra na preferência do complementar

Entrou ontem em operação o 1º Marcopolo Senior 0km no sistema complementar, ele é equipado com motor Volks 9-150 EOD.

Ele opera na permissão 303 da linha 06 e está ligado a cooperativa COOTRAPS, ele entra em substituição a um Neobus Thunder Way Mbb LO-812. Um detalhe interessante neste novo veículo é a posição da cadeira do cobrador, que de costume fica ao lado da porta dianteira de embarque, mas desta vez ela ficou na parte dianteira atrás do motorista.



Confira as fotos

O veículo está equipado com elevador para o acesso de deficientes

Fonte: Mob Ceará
Fotos: J. Machado

Túnel do Tempo

Este é o novo quadro em nosso blog, traremos aqui noticias do passado, que já foram esquecidas. Essas noticias serão respectivamente apresentadas em sua data de aniversário.

  
HÁ 18 ANOS ATRÁS - APLICADA SELEÇÃO PARA CONTROLADOR DE LINHAS DA CTC

Data:
14/01/1993




As provas de Conhecimentos Gerais e Específicos (Português e Matemática) foram aplicadas ontem na seleção para os 3.472 candidatos inscritos para 150 vagas de controladores de linha da Companhia de Transporte Coletivo (CTC), no Ginásio Paulo Sarasate. Os candidatos, segundo a Chefe de Recursos Humanos da CTC, Ana Cláudia Leite, foram divididos em duas turmas. Dois mil prestaram exames de seleção pela manhã e 1.472 à tarde.

O número de abstenções ainda não foi calculado pela CTC, mas Ana Cláudia confirma que alguns candidatos deixaram de comparecer à primeira fase eliminatória da seleção. Em nível de segundo grau, as provas de Português e Matemática tiveram 10 questões cada uma, sendo estipuladas duas horas para a solução dos quesitos. A data para a segunda fase (exame psicotécnico) e a terceira prova (entrevista) serão divulgadas juntamente com o resultado das primeiras provas, no dia 24 deste mês, através da imprensa.

Sendo o terceiro exame de seleção para fiscais de linha na CTC, Ana Cláudia afirmou que a direção da empresa não tem prazo definido e obrigatório para a contratação dos aprovados, o que deverá acontecer de acordo com a necessidade de contratação de pessoal. Os contratados trabalharão nos terminais do Papicu e Parangaba. O salário atual de um controlador de linha é de Cr$ 1 milhão e 900 mil e os reajustes serão mensais, além de serem beneficiados pelo plano de saúde Unimed e Uniodonto.

Apesar das provas realizadas ontem serem em nível de segundo grau, Ana Cláudia contou que 50 por cento dos candidatos inscritos têm nível superior. Jaqueline Modesto Souza, 24, solteira, no segundo semestre de Pedagogia, leciona há sete anos, mas resolveu se submeter à seleção para fiscal de linha, por estar desempregada. Mesmo com o grande número de concorrentes, ela espera chegar na última etapa dos exames. Já Aldenir da Silva, 20, concluiu o segundo grau há dois anos e considerou a prova de Matemática difícil. Mas ela diz que se tivesse estudado um pouco mais o resultado, seria melhor. Agora é rezar para ser classificada para a segunda fase da seleção – diz.

Fonte: Jornal O Povo

quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

Preço da passagem de ônibus para a Zona Norte sobe 7,8%

O valor das tarifas das linhas de ônibus do serviço regular interurbano de passageiros no Litoral Oeste terá um reajuste de 7,896% a partir da próxima quinta-feira (12), informa o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-CE).

A área de operação 5 é atendida pela concessionária Fretcar e inclui linhas de Fortaleza para os municípios de Itapipoca, Miraíma, Acaraú, Santana do Acaraú, Camocim, Paracuru, Uruburetama, Trairi, Amontada, Jijoca de Jericoacoara e Paraipaba.

Conforme cláusula do contrato de concessão, o reajuste no valor das tarifas se é registrado após um ano do início da operação. A proposta da Fretcar, que venceu a licitação realizada pelo Governo do Estado, foi apresentada em junho 2009.

Fonte: Diário do Nordeste
Foto: J. Machado

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

Cearense parte na frente em 2012

A empresa Cearense, é a primeira empresa à adquirir ônibus em 2012, os ônibus chegaram na manhã de ontem e a tarde já foram encaminhados para a Ceará Diesel, onde estão fazendo suas revisões de praxe.

O companheiro Ismael Bernardino estava de plantão no terminal Parangaba, quando ao avistar os novos ônibus decidiu de pronto clicá-los, acompanhe nas fotos:

Marcopolo Torino MBB OF-1722
Lembramos que nesta semana chegaram mais 5 ônibus Neobus Mega MBB OF-1722, oriundos da cidade do Rio de Janeiro, são ano 2009 com 2 portas e todos estão equipados com elevador para deficientes. Esta é a Cearense dando uma renovada na frota com força total !

Fonte: Ismael Bernardino/MOB Ceará
Fotos: Ismael Bernardino

sábado, 7 de janeiro de 2012

Novos transtornos na Av. Humberto Monte


Quem trafega pela Avenida Humberto Monte, que corta os bairros Pan Americano, Bela Vista e Parquelândia, enfrenta, desde de julho de 2008, alguns transtornos devido às intervenções realizadas pelo Plano de Transporte Urbano de Fortaleza (Transfor) no trecho entre a Rua Goiás e a Avenida Jovita Feitosa.

Hoje, os motoristas que passarem pela Humberto Monte terão que enfrentar novos problemas por conta de uma outra intervenção, tendo em vista o início das obras no trecho entre a Avenida Jovita Feitosa e a Rua Dom Manuel de Medeiros.

Então, quem vem no sentido Bezerra de Menezes/José Bastos terá que pegar o desvio, aprovado previamente pela Autarquia Municipal de Trânsito, Serviços Públicos e de Cidadania de Fortaleza (AMC), e dobrar à direita, na Rua José Pontes. Depois, precisa seguir pela Rua 21 de Abril e dobrar à esquerda, na Avenida Jovita Feitosa, para pegar a Humberto Monte de novo.

Devido à obra, as linhas de ônibus Borges de Melo I, Borges de Melo II, Parquelândia/ Parangaba, Campus do Pici/ Unifor, Francisco Sá/ Parangaba e Jovita Feitosa terão suas rotas alteradas de acordo com o desvio do tráfego.

Benefícios 

Segundo o Transfor, serão realizados serviços de terraplenagem, drenagem, pavimentação, padronização das calçadas, reforma dos canteiros centrais, construção de ciclovias e também toda sinalização, intervenções que já foram realizadas em várias vias da Capital. O órgão destaca que, apesar dos transtornos, as intervenções vão beneficiar a população. Apesar das vantagens que o serviço trará, a população se sente prejudicada, principalmente os comerciantes, que reclamam da queda nas vendas por conta dos atrasos.

A veterinária Sônia Nunes Farias, proprietária de um Pet Shop na Avenida Humberto Montes, diz que, há cerca de um ano, escuta falar do desvio, mas nunca foi formalmente avisada. Reconhece que a obra vai melhorar o tráfego no local. No entanto, teme que o prazo para o término não seja cumprido. "Sei que vai ser uma buraqueira e que minha clientela vai diminuir. Espero que eles se preocupem com os comerciantes".

A costureira Maria de Fátima de Sousa, moradora da Rua Dom Manuel de Medeiros, partilha da mesma opinião da veterinária e teme que, por causa do grande fluxo na porta de sua casa, localizada justamente onde acontece a obra, os transtornos sejam maiores. "Tenho uma neta de dois anos morando comigo, terei que tomar cuidado redobrado e evitar que ela saia para a rua. Mas sei que depois da tempestade vem a bonança".

Essa é mais uma das obras do Transfor na área da Secretaria Executiva Regional (SER) III, como a construção do túnel no cruzamento com a Avenida Bezerra de Menezes e a restauração das avenidas Mister Hall, Bezerra de Menezes e Jovita Feitosa, já concluídas. Segundo o Transfor, a previsão para a conclusão do trecho entre a Jovita Feitosa e a Dom Manuel de Medeiros é de 60 dias. O investimento total é de R$ 4,8 milhões e, até outubro, a via será restaurada.
 
Fonte: Karla Kamila

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

O BRT da cidade do Rio de Janeiro agora é LIGEIRÃO !!!


Rômulo Costa e Pricila Nocetti
Valeu a campanha promovida pela Furacão 2000, para que os internautas votassem na segunda fase da enquete que o Jornal Extra fez, para batizar o novo BRT(ônibus articulado que vai circular pelo Rio de Janeiro por quatro corredores expressos a partir de 2012). 

Com 60.118 votos, Ligeirão foi o nome escolhido pelos internautas, deixando para trás Cariocão (6.876 votos) e Papa-Léguas (3.237 votos).

A equipe de funk Furacão 2000, liderada por Rômulo Costa, fez uma incansável campanha em uma rádio 107,1 fm e conseguiram que o BRT fosse batizado de Ligeirão.

A campanha teve até video-clip com uma montagem funk, vale a pena conferir 


Fonte: Furacão 2000
Fotos: Furacão 2000
Vídeo: Furacão 2000


Trecho da avenida Humberto Monte será interditado por obras do Transfor

Trecho entre a avenida Jovita Feitosa e rua Dom Manuel, sentido José Bastos/Bezerra de Menezes, na avenida Humberto Monte, será interditado devido a continuação das obras de reestruturação da avenida, na sexta-feira, 6, segundo nota da assessoria do Programa de Transporte Urbano de Fortaleza (Transfor).

Na noite desta quinta-feira, 5, teve início a implantação do projeto de desvio do tráfego. Na manhã de hoje, o trecho estará interditado para as obras de terraplenagem, drenagem, padronização das calçadas, pavimentação, dentre outros, informa a nota.

Durantes as obras, a faixa no sentido Bezerra de Menezes/José Bastos terá o sentido invertido, atendendo ao fluxo José Bastos/Bezerra de Menezes. De acordo com a nota, quem utiliza o sentido Bezerra de Menezes/José Bastos irá pegar o desvio dobrando à direita na rua José de Pontes, seguindo pela rua 21 de Abril e dobrando à esquerda na avenida Jovita Feitosa para pegar novamente a avenida Humberto Monte.

O período de conclusão das obras do trecho é de 60 dias. Segundo a nota, o Transfor já restaurou o trecho entre a rua Goiás e a avenida Jovita Feitosa.

Alteração nos ônibus
A nota informa que as obras na avenida Humberto Monte também alteram a rota dos seguintes ônibus:

(031) Av. Borges de Melo I
(032) Av. Borges de Melo II
(060) Parquelândia/Parangaba
(075) Campus do Pici/Unifor
(080) Francisco Sá/Parangaba
(389) Jovita Feitosa

Fonte: O Povo
Foto: Lauriberto


quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

Exército ocupa terminais da Capital

Armados de fuzis e pistolas
militares policiam os terminais
O que faltou nas ruas de Fortaleza e em alguns municípios do Estado sobrou nos terminais rodoviários urbanos de passageiros da Prefeitura: segurança. Em meio à surpresa e aprovação da população, homens do Exército ocuparam os terminais desde a tarde de ontem.

"Agora estou tranquilo. Essa turma aí é de respeito e não alisa bandido. Veja o que fizeram nos morros do Rio de Janeiro", comparou o pedreiro Isac Soares Marques, 50 anos, que aguardava um ônibus no Terminal da Parangaba. "Trabalho na Praia de Iracema e já estava imaginando como seria o retorno para casa com esse tumulto todo. Para surpresa, vi os militares e logo o temor desapareceu", reforçou o pintor João Ferreira Mendes.

"Só não é melhor porque daqui a algum tempo eles vão embora", argumentou, preocupado, o autônomo Antônio Simões Guedes, 49 anos.

Segundo ele, o coletivo que faz a linha Fortaleza/Mangabeira via Eusébio foi parado à bala por dois desconhecidos no Eusébio. "Todos os passageiros viveram momentos de pânico. Foi um desrespeito e uma ação covarde. Queria ver eles repetirem isso agora na presença do pessoal do Exército", finalizou Simões, que aguardava condução no Terminal do Siqueira.

Ocupação


Movimento tranquilo no fim da tarde e início da noite. Usuários se mostram aliviados com a presença dos militares

Em Parangaba, cerca de 30 militares chegaram por volta das 18 horas no terminal rodoviário. Eles se espalharam pelas escadarias, no pavimento de cima e nas plataformas de passageiros. Um oficial que não quis precisar detalhes da operação "por questão de estratégia" revelou apenas que o mesmo procedimento estava sendo desencadeado também nos demais terminais.


O detalhe é que os soldados, armados de fuzis e pistolas, chegaram em cinco viaturas novinhas, da marca Sandero, pertencentes ao Governo do Ceará. Além do símbolo do Estado, os veículos foram, ao que parece, adesivados improvisadamente com o nome "polícia".

Por conta do fechamento do comércio no início da tarde, muita gente antecipou o retorno para casa. Dessa forma, o movimento nos terminais e nas proximidades, no início da noite, foi aquém dos registrados em dias normais. "O prejuízo foi de todos. Consegui pegar apenas quatro passageiros ao invés dos dez habituais", reclamou o mototaxista Francisco Martins, que há três anos trabalha num ponto defronte ao Terminal Siqueira.

Motoristas e cobradores de transporte público de Fortaleza podem paralisar atividades de algumas linhas de ônibus, ressaltou o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Estado do Ceará (Sintro), Domingos Neto. Segundo ele, caso haja a paralisação, somente linhas próximas de pontos onde houve grande número de assaltos a ônibus durante a greve serão afetadas. O Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros do Ceará (Sindiônibus) informou que "as empresas de transporte de Fortaleza e região metropolitana vão operar hoje normalmente".


Fonte: Diario do Nordeste
Fotos: Natinho Rodrigues/J. Machado

Ônibus voltam a circular normalmente nesta quarta-feira

Os ônibus do transporte público de Fortaleza voltaram a circular normalmente nesta quarta-feira, 4, de acordo com o presidente Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Estado do Ceará (Sintro), Domingo Neto.

Segundo o presidente, 100% da frota voltou a funcionar. “Nós vamos para os terminais ver como está a situação com a segurança”, explicou Domingo. O serviço de transporte chegou a ser interrompido em vários momentos na terça-feira, 3, por conta dos boatos de arrastões durante a greve da Polícia Militar e dos Bombeiros na Capital.

Em nota divulgada na última terça, o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus) também assegurou que as empresas do sistema de transporte de Fortaleza e região metropolitana estarão operando normalmente a partir desta quarta-feira.

Fonte: O Povo
Foto: J. Machado

Compare os sistemas de integração de Teresina, Aracaju e Fortaleza

A integração das linhas de ônibus de Teresina entrou em funcionamento na última segunda-feira (2) e gerou uma série de críticas por parte dos usuários que questionam a efetividade do sistema. Teresina é a última capital do Brasil a  última capital do país a instalar o sistema. Em outras capitais, os coletivos estão integrados há vários anos e já se tornaram rotina da população, como em Fortaleza (CE) e Aracaju (SE). 
 

De acordo com a Superintendência de Transporte e Trânsito de Teresina (Strans), a integração na capital piauiense começa com 33 das 92 linhas integradas e marcou o reajuste da tarifa que era de R$ 1,90 para R$ 2,10. Os usuários pagam no primeiro trecho a tarifa inteira e no segundo trecho, a meia tarifa, um dos pontos criticados pelos manifestantes assim como o fato de uma linha matriz interligar a apenas determinadas linhas terminais. 

Entre as reclamações dos empresários das empresas de ônibus teresinenses estão a falta de subsídios por parte do governo estadual e municipal, como por exemplo, a eliminação de impostos como ICMS – para combustível e pneus – e ISS, além da quantidade de fraudes nas gratuidades e meia-passagens.

Ponto de integração possui cor verde-clara em Teresina

O modelo de Teresina aparentemente tem inspiração no sistema integrado de Fortaleza, criado em 1992. A capital cearense tem uma população de 2,4 milhões de pessoas, dos quais um milhão utiliza o sistema de ônibus, segundo dados da Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor). A passagem custa R$ 2 e a meia R$ 1, mas há tarifas diferenciadas em determinadas horas do dia, a chamada hora social, e aos domingos.

Há dois tipos de integração em Fortaleza: uma temporal, com o uso de cartões magnéticos, e outra através dos terminais físicos. O segundo trecho não é cobrado na integração temporal e o passageiro pode trafegar de um terminal físico para o outro livremente. Na capital cearense há um limite de tempo para realizar a integração utilizando cartões magnéticos em pontos espalhados pela cidade. Como em Teresina, nesta modalidade também é utilizado o sistema de ônibus matriz que ligam a outras linhas pré-determinadas. Já nos terminais físicos todos os ônibus são integráveis.

Terminal de integração físico em Fortaleza

Atualmente, Aracaju, que tem uma população de 579 mil habitantes, atende a cerca de 7,7 milhões de passageiros por mês. O sistema integrado entrou em vigor em 1986 e o preço da tarifa é de R$ 2,25. A integração se dá exclusivamente através de terminais físicos e não há cobrança de segundo trecho. 

Nas capitais do Ceará e de Sergipe há integração de 100% das linhas. 

Veja um quadro comparativo:

Teresina
Total de habitantes: 822.363 (estimativa IBGE 2011)
Total de usuários: 7 milhões passageiros por mês
Frota: 420 ônibus
Quantidade de Linhas: 92
Preço da Tarifa: R$ 2,10
Subsídio: não há
Ano de instalação da integração: 2012
Tipo de integração: Temporal, exclusivamente com o uso de cartão magnético
Total de terminais de integração: 70 
Limite de tempo: 1h 
Total de ônibus integrados: 33 integradas



Fortaleza


Ônibus em Fortaleza

Total de habitantes: 2.447.409 (Censo 2011)
Total de usuários: um milhão de pessoas
Frota: 1.778 ônibus 
Quantidade de linhas: 247 linhas convencionais e 22 linhas corujões (após a 0h).
Preço da Tarifa: R$ 2,00 (inteira) R$ 1,00 (meia), reajustada em março de 2011. Ainda há a Hora Social das 9h às 10h e das 15h às 16h de segunda a sábado, quando a tarifa cai para R$ 1,80 (inteira) e R$ 0,90 (meia) e tarifa social aos domingos: R$ 1,40 (inteira) e 0,70 (meia).
Subsídio: Na capital cearense há a redução de ICMS, ISS e da taxa de gerenciamento.
Ano de instalação da integração: 1992
Tipo de integração: via terminais fixos (com dinheiro ou cartão) e através de integração temporal (com uso de cartão magnético). Em Fortaleza é possível pegar dois ônibus em integração temporal utilizando o cartão magnético. Como em Teresina, existe uma linha matriz que liga exclusivamente a outras linhas destino, resultando em mais de 9 mil tipos de conexões. 
Total de terminais de integração: Sete terminais fechados e dois abertos.
Limite de tempo: meia-hora, a partir do momento em que o passageiro desce do ônibus. 
Total de ônibus integrados: 100% (através dos terminais fixos de integração)
Aracaju

Ônibus em Aracaju

Total de habitantes: 579.563 (estimativa IBGE 2011)
Total de usuários: 7.728.000 passageiros por mês
Frota: 582 ônibus
Quantidade de Linhas: 95 linhas
Preço da Tarifa: R$ 2,25 (inteira) R$ 1,125 (meia)
Subsídio: não há
Ano de instalação da integração: 1986
Tipo de integração: via terminal físico
Total de terminais de integração: cinco
Total de ônibus integrados: 100%


Fonte: Carlos Lustosa Filho
Fotos: Evelin Santos/CidadeVerde.com, Etufor, Silvio Rocha

terça-feira, 3 de janeiro de 2012

Sintro decide nesta terça se haverá paralisação; movimento deve afetar somente alguns bairros

Motoristas e cobradores de ônibus coletivos em Fortaleza podem paralisar atividades nesta terça-feira (3), informa o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Estado do Ceará (Sintro), Domingos Neto. De acordo com Domingos Neto, a categoria irá decidir, em assembleia na tarde desta terça-feira (3), se haverá ou não a paralisação.


De acordo com o presidente, a categoria irá, a partir das 15 horas desta terça-feira, ao prédio da 6ª Companhia do Batalhão da Polícia Militar de Fortaleza, no bairro Antônio Bezerra - onde os policiais militares que participam do movimento estão concentrados - para demonstrar solidariedade aos policiais. Em seguida, haverá assembleia para decidir se haverá ou não paralisação.


Ainda de acordo com o presidente, caso haja a paralisação, somente linhas que passem próximo aos bairros onde houve registros de assaltos a ônibus serão afetadas. Segundo Domingos Neto, as linhas que passem perto dos bairros Antônio Bezerra, Siqueira, Pio Saraiva, Autran Nunes e Messejana seriam afetadas.


Profissionais estão sem segurança

O presidente do Sintro disse que os profissionais estão sem segurança devido a paralisação dos policiais militares. “Estamos sem segurança. Já foram registrados vários assaltos na última noite [segunda-feira]. Existe realmente a possibilidade de paralisação”, disse.


O Sintro entrou em contato com o presidente do Sindiônibus, Dimas Barreira, mas sem sucesso. Domingos Neto afirma que a intenção da categoria é parar, se não houver acordo. “Quando a gente anuncia uma greve, o Sindiônibus coloca inúmeros seguranças nos terminais, agora que a gente está precisando, nada é feito”.

Fonte: Felipe Lima
Foto: Fernado Carneiro

domingo, 1 de janeiro de 2012

Manifestantes furam pneus em três terminais de ônibus da Capital, diz Etufor

Manifestantes furaram pneus de alguns ônibus em três terminais de integração de Fortaleza, na noite deste sábado, 31, impedindo a saída dos veículos. 

Segundo informações da assessoria de comunicação da Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), a ação afetou os terminais de Antônio Bezerra, Lagoa e Parangaba.

Ainda de acordo com a Etufor, a situação já foi contornada e o fluxo de ônibus acontece normalmente nos três terminais. Equipes da divisão operacional do órgão estão no local e foram colocados ônibus extras. 


Por meio da assessoria de imprensa, a Etufor garantiu que o deslocamento da população durante o Réveillon não será prejudicado.

A Etufor não soube informar quantos veículos tiveram os pneus furados. Um balanço ainda será realizado pela divisão operacional do órgão.

A Etufor atribui à manifestação à representantes do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Estado do Ceará (Sintro). O POVO Online tentou ouvir o presidente do sindicato, Domingo Neto, mas uma mensagem informou que o celular estava desligado ou fora da área de cobertura.


Ameaça de paralisação

Na última sexta-feira, 30, o presidente do Sintro, Domingo Neto, adiantou que a categoria de motoristas, cobradores e fiscais poderia paralisar as atividades, aderindo ao movimento de Policiais Militares e Bombeiros. “Não vamos ficar à mercê da bandidagem”, desabafou.

Fonte: O Povo
Fotos: J. Machado

Guardas Municipais secam pneus de ônibus no Terminal do Siqueira


Passageiros que utilizam o Terminal de Ônibus no bairro Siqueira relataram tumulto na manhã deste sábado, envolvendo guardas municipais da Prefeitura.  Os guardas secaram pneus dos ônibus que estavam no terminal.

O sindicato da categoria passou em todos os terminais recolhendo os que estavam de trabalho para uma reunião na qual irão avaliar a proposta de trabalho da prefeitura para o Réveillon no Aterro da Praia de Iracema.
 
Os passageiros demonstraram revolta  com a situação porque muitas linhas deixaram de sair no horário. Com os pneus secos, os motoristas não tiveram como completar os percursos, interligando outros terminais.  A Etufor já desbloqueou o terminal e o movimento já está normalizado.
 
De acordo com informação do presidente do Sindicato dos Guardas Municipais  (Sindiguardas-CE), Márcio Cruz, o movimento dos  guardas segue em direção ao Terminal do Papicu.
 
A Guarda Municipal aderiu a paralisação da Polícia Militar, Bombeiros e Polícia Civil na noite de quinta-feira, 29.

Fonte: CNews
Fotos: Nildo