REDES:

_

Ceará Diesel enfatiza DD's da Marcopolo e Busscar em Happy Hour Neuri Tur convida busólogos para aproximação Sindiônibus convida MOB Ceará para conversa sincera sobre mobilidade urbana MOB Ceará visita as instalações da Ferrari JG - Marcopolo MOB confere novos micros e rodoviários da Princesa Busólogos conhecem DD de 15 metros da Neqta

quinta-feira, 11 de julho de 2019

2001: Rota Expressa começava a desativar Caio Vitória de 1994 e 1995

Após a primeira cisão da Rota Expressa, ocorrida em Agosto de 2001, a empresa recebeu 9 ônibus novos da Caio e 8 Ciferal GLS Bus da Via Urbana, onde um dos sócios estava saindo da sociedade para permanecer apenas na Rota Expressa.

A divisão das linhas fez com que alguns carros da empresa fossem para a Rota Sol, que dali começou a formar a atual Vega. A Rota Expressa ficou com os veículos mais novos da frota, todos os ônibus de chassis Ford de anos 1994 e 1995 e parte dos Caio Vitória de ano 1993/1994 com chassis Mercedes-Benz OF-1618.


Com a inclusão dos ônibus novos e usados, a empresa desativou alguns dos carros de 1994 e 1995. Os veículos estavam livres de restrição e foram vendidos dentro do estado do Ceará. Em 2002, com a chegada de 14 novos ônibus, a Rota Expressa ampliou sua participação no sistema, com o recebimento de algumas vagas da CTC que estavam sendo licitadas, e a frota nova serviu para ampliação e renovação da mesma. Naquele momento, mais Caios estavam sendo retirados, com parte deles aptos para venda e outros não, por problemas burocráticos.

Em 2003 a empresa renovou com dois carros novos, mas em vez de retirar os Ford ainda ativos, decidiu vender dois Ciferal GLS que tinham duas portas mas podiam ser vendidos, e vendeu o restante nos anos de 2004 e 2005. Os 6 últimos Ford foram desativados em 2005.


Fonte: MOB Ceará
Redação: Narcísio Santos

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário sobre nossas matérias, ou mande sugestões através do contato [email protected]
Ressaltamos que não nos responsabilizamos pelo conteúdo dos mesmos.