REDES:

_

MOB Ceará conhece as instalações da Ferraria JG - Marcopolo Viação Penha mostra sua casa e aquisições ao MOB Ceará Sindiônibus convida MOB Ceará para uma conversa aberta sobre mobilidade urbana Busólogos conhecem DD de 15 metros da Neqta Conhecimento fez diferença na visita da São José

quinta-feira, 25 de julho de 2019

Dia do motorista - falta de empatia na relação com passageiros causa desmotivação funcional

Talvez muitos não saibam o que um condutor de vidas passa no seu dia a dia transportando diversas pessoas, de variados níveis de educação.


É antigo ver que alguns passageiros costumam desrespeitar os motoristas. Fato é que alguns não sabem o que passa na cabeça de uma pessoa que tem de se relacionar com a família, e ainda ter de suportar a falta de empatia dos usuários do transporte. O desgaste se dá nesse momento.


Há motoristas grosseiros, arrogantes que trabalham de mau humor e descarregam tudo nos passageiros no primeiro conflito. Existem passageiros que fazem o mesmo, daí entra a necessidade da empatia de ambos os lados.

O motorista precisa ter paciência para lidar com diversos tipos de pessoas que convive durante sua jornada. Os passageiros precisam entender o lado do motorista, e pensar mais antes de tomar algumas atitudes que afetem o psicológico de quem está com a maior responsabilidade durante o deslocamento de todos.

É preciso criar o prazer profissional no condutor que hoje trabalha apenas para sustentar sua família, nem sempre por amor a profissão. Equipes de RH, ou Desenvolvimento Humano trabalham para amenizar os impactos dos profissionais, porém, os gestores operacionais que, em muitos casos, são mal preparados e não colaboram contribuem, sem perceber, na desmotivação do motorista.

A causa desse problema também é a mesma - falta de empatia. Hoje o MOB Ceará decidiu fazer diferente, e não escolheu um profissional para contar sua história, mas está ressaltando sobre uma ''coisa'' intangível, mas que poderia resolver muitos dos problemas ligados a satisfação de clientes e de colaboradores.

Se colocar no lugar do próximo não deve ser encarado como ser "tolo" ou "besta", como se diz no Ceará. É um ato de valor, que promove a estabilidade em um relacionamento, neste caso, do cliente com o servidor.

Quando o motorista precisa frear bruscamente, em vez do passageiro chamá-lo de louco, deveria questionar o que teria ocorrido, pois certamente ele tentou salvar a vida de quem está sendo transportado.

Se o motorista passar do local de desembarque, em vez de xingá-lo, deve se perceber se o sinal foi puxado ao ponto do alerta aparecer no painel do ônibus, e se você solicitou a parada em tempo hábil do condutor frear no ponto. É necessário entender que veículos pesados não conseguem frenagem na mesma rapidez de veículos de passeio, pois são carros maiores.

E a empatia também cabe ao motorista, quando o passageiro não puxar o sinal com força ou mesmo quando a porta ainda estiver aberta. Se o cliente se chatear, deve se imaginar que ele não entende que a porta de desembarque deve estar fechada para que a luz da parada solicitada fique acesa. São muitos os casos de conflitos, mas não teriam como ser citados nesta matéria.

Os busólogos do MOB Ceará desejam que o Dia do Motorista seja, a cada ano, comemorado com mais ânimo ainda e que a profissão seja mais valorizada pelos passageiros e empresas. Hoje também se comemora o Dia do Perdão, com isso, esta equipe também espera que as relações dentro dos coletivos sejam de harmonia, cada um imaginando-se no lugar do outro para melhorar a qualidade de vida de cada um e o bem prevaleça.

Fonte: MOB Ceará
Redação: Narcisio Santos

7 comentários:

  1. Matéria super bem elaborado.

    Um ponto que os passageiros não vê do motorista é que acorda na madrugada para chegar na garagem pra trabalhar e imagino a dificuldade de seu deslocamento.

    ResponderExcluir
  2. Realmente existe a falta de Educação de muitos é bem complicado trabalhar hoje no Sistema pois o Povo tem u.a língua enorme pra xingar mas já perde a língua na hora de ajudar o Motorista ou o Cobrador a falta de respeito dos Pedestres Ciclistas Motociclistas Motoristas de carros pequenos e até mesmo A falta de União da Categoria hoje faz a gente trabalhar somente pela necessidade e não pelo Amor a profissão como foi citado a própria gestão das empresas na maioria das vezes desmotivam ainda mais nós Profisionais do Volante obrigado pela homenagem a equipe Mob como sempre está de Parabéns.

    ResponderExcluir
  3. Grande matéria. Que devia ser feita pelos órgãos gestores do transporte em relação a educação tanto do condutor como do usuário

    ResponderExcluir
  4. Grande matéria. Que devia ser feita pelos órgãos gestores do transporte em relação a educação tanto do condutor como do usuário

    ResponderExcluir
  5. Parabéns aos motoristas pela profissão tão sofrida e que não é reconhecida pela população e os empresários...

    ResponderExcluir
  6. Obrigado mob pela homenagem tamo junto sempre valeu um abraço a todos

    ResponderExcluir
  7. Agilidade 10
    Empatia 0
    Dos motoristas da 076

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário sobre nossas matérias, ou mande sugestões através do contato [email protected]
Ressaltamos que não nos responsabilizamos pelo conteúdo dos mesmos.