MOB conhece novos automáticos da Viação Princesa Saiba quantos ônibus a gigante Gontijo possui MS Turismo renova frota com Caio Solar 2013 Viação Penha se mantém com a 4ª frota mais nova João Pessoa-PB renovando a frota com Torino São Benedito oferece visita ao MOB Ceará

terça-feira, 18 de julho de 2017

Tranquilidade marcou o primeiro dia do embarque pela dianteira

O primeiro dia em que algumas linhas começaram a experimentar o embarque pela dianteira foi bastante tranquilo.


Alguns passageiros já estavam atualizados sobre a mudança, já alguns, se direcionaram até a porta traseira mas foram orientados pelos próprios passageiros a subir pela frente.


As empresas de ônibus instalaram o dispositivo Anjo da Guarda, para garantir a segurança dos usuários no desembarque, pois os ônibus só podem trafegar com a porta fechada. Os motoristas foram orientados a abrir a porta, primeiramente para embarque. Depois das pessoas embarcarem, os outros podiam descer do coletivo afim de evitar alguém entrar pelo local errado.


As companhias colocaram alguns ônibus e micrões como frota reserva nos terminais em caso dos veículos precisarem ser substituídos.



Explicando melhor a mudança:

Os 57 ônibus que tiveram o embarque modificado para a porta dianteira rodam em algumas linhas curtas, que ligam os bairros aos terminais. Foram escolhidas algumas linhas de cada um dos 7 terminais para iniciar os testes.


Idosos, gestantes, policiais fardados, carteiros fardados e funcionários do sistema de transporte da categoria, que subiam pela frente, continuam fazendo o mesmo, porém, terão que passar pela catraca e o cobrador registrará a passagem com um cartão específico de seu uso. Os obesos que não conseguem passar pela catraca deverão subir pela porta do meio, onde o cobrador receberá o valor da passagem e rodará a catraca para registrar a mesma.

Fonte: MOB Ceará
Redação: Narcisio Santos

13 comentários:

Carlos Vasconcellos disse...

Em breve os cobradores estarão desempregados e os motoristas fazendo dupla função, como fizeram aqui no Rio de Janeiro.

Nilson Silva disse...

Isso é só pra beneficiar os empresários!!! Quero ver quando começar acontecer os acidentes se essa mudança não vai ser revista!

Judhyson Henrique Inteligente disse...

Eu queria que vocês do mob ceará reinvidicasse as empresas de ônibus que digam quais são as linhas que estão operando no momento.

Marques disse...

Aqui em São Luís o embarque é feito pela dianteira desde a década de 90 e até agora nenhum cobrador perdeu a função.

João Lopes Amaral disse...

Caramba: gente tudo na vida um dia muda.tem gente que reclama de parem de reclamar não vejo nada de mais nesta mudança eu sei que que aqui o assunto não é política mas ao invés de ficarem de chororô aprendam a votar paremos de eleger esses parasitas ai sim podemos começar a pensar em mudanças ok abss a todos

Savio Sousa disse...

Concordo...

Savio Sousa disse...

Envolvendo politica, foi justamente por motivos políticos que na década de 90 o embarque passou a ser pela traseira.
E hoje por motivos técnicos e óbvios, estão voltando atrás!
Eu particularmente gostei, não vejo nenhum problema nisso.!

João Lopes Amaral disse...

Nilson falando em beneficiar empresários quando alguém faz matéria de divulgaçao com fotos e novidades das empresas nestes sites também esta beneficiando as empresas

Demyson Ernesto disse...

Falou tudo João Lopes tomara q seja mesmo pra valer pois hoje um motorista da Fretcar quando peguei o Redenção já disse q a empresa vai começar colocar as catracas invertidas. Vamos logo nos acostumando e aderir a proposta q agora os empresários vão vir com tudo!

franciscojose teixeiradaconceicao disse...

Acho que para prejudicar o bilhete único, vai depender do tamanho do espaço que ficará na frente do ônibus, quem usa microonibus já sofre esse tipo de prejuízo no bilhete único

Savio Sousa disse...

Os testes que estão sendo feito na verdade é pra saber qual o melhor posicionamento da catraca na parte da frente, para que então eles possam modificar as outras linha que tem demanda maior.

Mércia Nascimento disse...

Em linhas alimentadoras acho que a presença de um cobrador realmente é desnecessária, isso iria acabar de uma vez por todas com farra das empresas de colocar ônibus leves em linhas de grande demanda pois só teria ônibus com cobrador em linhas troncais e de grande circulação.

Savio Sousa disse...

Para que isso aconteça todo mundo precisa usar o bilhete eletrônico, mais o motorista dirigir e cobrar não é bom, além de ser perigoso e sobrecarregar o operador em qualquer linha!

Tradutor