MOB conhece novos automáticos da Viação Princesa Conheça os dois hobbys que andam juntos: Busologia e Spotting Prefeito afirma vir articulados para corredor da Aguanambi Uma história exclusiva do Ciferal Jardineira Diversas fotos de ônibus antigos no MOB Relíquias. Clique nessa foto São Benedito oferece visita ao MOB Ceará

quarta-feira, 6 de janeiro de 2016

Etufor apresenta opções de linhas de ônibus que passam por equipamentos turísticos de Fortaleza

As férias escolares já começaram, e uma das opções de passeios são as visitas a pontos turísticos e históricos de Fortaleza. Para facilitar o deslocamento dos turistas e dos fortalezenses, a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) fez uma seleção das linhas que passam pelos pontos turísticos. A iniciativa visa a estimular população e turistas a utilizar o transporte coletivo como meio de locomoção para conhecer esses lugares.
O deslocamento dos turistas do Aeroporto Internacional Pinto Martins pode ser realizado por meio de quatro linhas, entre elas, a linha 404 - Aeroporto/Benfica/Rodoviária que já conta com toda sua frota climatizada. Já os usuários que pretendem se deslocar do Terminal Rodoviário Engenheiro João Thomé podem utilizar 10 linhas diferentes.



Na região do Centro, os pontos turísticos de Fortaleza como o Mercado Central, o Passeio Público e a Estação João Felipe podem ser visitados utilizando, por exemplo, as linhas 011-Circular I ou 012-Circular II.  Para quem deseja conhecer os equipamentos turísticos na área da Avenida Beira Mar, pode conhecer o Centro Cultural Dragão do Mar e a Ponte dos Ingleses utilizando a linha 017-Inter Shoppings.



A Etufor divulga a relação das linhas que passam pelos equipamentos culturais da cidade, e ressalta que o usuário também pode utilizar os sete Terminais de Integração de Fortaleza, bem como realizar integrações pagando apenas uma passagem no período de duas horas. Dos terminais, diversas linhas saem que passam pelos pontos turísticos e históricos de Fortaleza. 

Fonte: Etufor

2 comentários:

Francisco Fernando disse...

Na verdade, a Estação Ferroviária se chama João Felipe e não João Ferreira como foi mencionado na matéria.

Francisco Fernando disse...

Na verdade, a Estação Ferroviária se chama João Felipe e não João Ferreira como foi mencionado na matéria.

Tradutor