Ceará Diesel apresenta novidades em evento noturno MS Turismo realiza visita e passeio com o MOB Ceará MOB Ceará conhece Via Metro e Guanabara de Juazeiro do Norte Busólogos procuram relíquias em Redenção-CE Visita na Viação Pernambucana MOB Ceará participa de evento em Londrina-PR Busca de antiguidades em Juazeiro do Norte

sexta-feira, 23 de junho de 2017

Nota ao leitor: Sobre o embarque na Dianteira

Estimado leitor, vivemos a era da informação, onde os limites geográficos são facilmente superados pela tecnologia. Hoje é muito fácil interagir, curtir fotos e postagens no Facebook, compartilhar no WhatsApp e repassar conteúdos a quem possa interessar, de forma simples e prática, mas isso tem um preço, o preço da desinformação causada principalmente pelos que não compreendem o que foi recebido e/ou repassado. Um triste hábito moderno que consiste, para alguns, na interpretação mais conveniente ao seu modo do texto lido, quando lido.

A Equipe MOB Ceará reconhece, através deste, que não esperava o alcance observado em matéria anteriormente veiculada por este canal de informação sobre o indicativo de mudança no sistema de embarque dos coletivos do sistema da capital, cuja repercussão tomou proporções diferentes do explicado na matéria.

Deixamos claro aqui que, em nenhum momento, esta Equipe informou que a mudança seria imediata. Conforme o texto, a questão ocorreria de forma gradual, ou seja, aos poucos, em forma de testes em linhas selecionadas. 


Caro leitor, atente para a conjugação do verbo "ocorrer" no parágrafo anterior, visto que, para conter os ânimos exaltados daqueles que não compreenderam a informação inicial, mudanças se tornam possíveis e até necessárias.

A Equipe MOB Ceará ratifica que sempre prezou pela qualidade das informações aqui repassadas, o que pode ser evidenciado pelo histórico que nos permitiu chegar ao estágio em que nos encontramos. Ressaltamos também que nossas fontes são confiáveis e merecem o respeito digno do jornalismo eficiente.

Assim, pedimos a compreensão para que entendam que as informações podem sofrer alterações conforme as reações dos diretamente impactados.

Atenciosamente, Equipe MOB Ceará.


7 comentários:

  1. Uma coisa é certa esses malditos políticos nunca estiveram interessados no bem estar das pessoas. Que a entrada de passageiros pela porta dianteira é danosa isso ninguém pode discutir pois prejudica essencialmente os idosos e as crianças aos descerem dos coletivos pela porta central ou traseira considerando ainda que dezenas de acidentes ocorreram pelo Brasil e as imprensas locais na maioria das vezes sempre se omitiram e ficaram caladas por terem sido compradas pelo sistema. Uma coisa é a entrada pela dianteira nos EUA e EUROPA com ônibus urbanos de verdade, piso baixo, modernos e rodando em linhas muito bem pavimentadas. OUTRA COISA são os ônibus aqui do Brasil e das nações vizinhas basicamente utilizando MOTOR DIANTEIRO, suspensão dura, sem ar condicionado e pior ainda: rodando basicamente em estradas em PÉSSIMO ESTADO DE CONSERVAÇÃO. Neste ponto os empresários NÃO são os culpados pois oferecem um tipo de ônibus que é adequado ao tipo de linha onde ele opera ou seja linhas precárias com piso danificado e asfalto arrebentado, isso sem contar com o vandalismo. Portanto, se a PREFEITURA exige entrada pela dianteira deveria primeiro recuperar e asfaltar 100% das ruas e depois sim exigir ônibus de motor traseiro, piso baixo, ar condicionado e consequentemente entrada pela dianteira.

    ResponderExcluir
  2. No Rio de Janeiro o embarque já e pela a porta dianteira a muito tempo parem chororô não vejo problemas nisso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vem mora aqui em fortaleza que tu vai sentir o drama,.
      A treze anos estiver aí no Rio,lembro que para pegar um ônibus para e pro fudao precisei pergunta as várias pessoas pois o fiscal não sabia informa.

      Excluir
  3. Até que não me importaria com o desconforto do embarque frontal. Se em contrapartida, os empresários parassem de olhar somente para si mesmos. E ligassem mais para o nosso conforto, adquirindo para nós, ônibus com poltronas acolchoadas, iguais aos ônibus urbanos cariocas. E também nos adquirissem ônibus com motor traseiro, como os ônibus piso-baixos e de pisos convencionais, paulistanos. Se dependesse de mim, sem essas contrapartidas dos empresários de nossa capital. Catraca na frente NÃO ROLARIA, NEM PENSAR!

    ResponderExcluir
  4. Matéria bem explicada, a noticia foi veiculada nos principais jornais do Ceará!

    ResponderExcluir
  5. Matéria bem explicada, a noticia foi veiculada nos principais jornais do Ceará!

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário sobre nossas matérias, ou mande sugestões através do contato [email protected]
Ressaltamos que não nos responsabilizamos pelo conteúdo dos mesmos.

Tradutor