MOB conhece novos automáticos da Viação Princesa Conheça os dois hobbys que andam juntos: Busologia e Spotting Prefeito afirma vir articulados para corredor da Aguanambi Uma história exclusiva do Ciferal Jardineira Diversas fotos de ônibus antigos no MOB Relíquias. Clique nessa foto São Benedito oferece visita ao MOB Ceará

quinta-feira, 27 de outubro de 2016

Neoplan: A marca da modernidade

Através de algumas pesquisas, o Movimento Organizado de Busólogos vai falar um pouco sobre uma das maiores encarroçadoras do mundo, a Neoplan.

A Neoplan foi fundada em 1935 por Gottlob Auwärter, em Stuttgart-Alemanha, onde fabricava carrocerias para ônibus e chassis para caminhões. Criada poucos anos após a crise de 1929, período conhecido como a ''Grande Depressão'', a decisão de montar o negócio exigiu muita coragem e força.

O nome da empresa surgiu por acaso, de um representante da empresa na Grécia que, espontaneamente, sugeriu o nome NEOPLAN, que era uma abreviação da frase "Neuzeitliche Omnibus-Planung", que pode ser traduzida como "Planejamento de ônibus de tempos modernos".

No final da década de 1930, Gottlob Auwärter aprova o último projeto de um ônibus construido totalmente em aço, uma ideia radicalmente nova para os ônibus da época, mas a inovação teve de ser adiada devido a chegada do Partido Nazista ao poder da Alemanha e as posteriores consequências do que veio a se tornar a Segunda Guerra Mundial. Assim como várias indústrias alemãs da época, o conflito armado obrigou Auwärter a preparar sua fábrica para a produção de materiais bélicos e reparo de aeronaves.

Com o fim da grande guerra, a Berlin ficou literalmente em ruínas, enquanto o resto do território alemão se encontrava em situação lamentável. Apesar da situação de seu país, a Neoplan felizmente sobreviveu relativamente sólida das devastações da guerra. A recuperação começa com apenas seis ônibus concluídos, que Auwärter entregou como requisição das Forças Aliadas.

No inicio de 1950, o mercado de veículos e chassis para ônibus vai mudando. É uma situação em que Auwärter projeta e constrói um ônibus radicalmente novo, em um corpo monobloco com um esqueleto em tubos de aço, provendo o suporte estrutural reforçado por painéis laterais reforçados, e o motor sendo deslocado para a traseira. E em 1953, o momento chega: o primeiro ônibus NEOPLAN é levado para as estradas.

Em 1957, no Salão de Frankfurt, a NEOPLAN apresenta outra inovação - o primeiro modelo com suspensão a ar e suspensão dianteira independente, e também é a primeira empresa a introduzir esse sistema como item padrão em seus ônibus.

Já em 1960, a NEOPLAN torna-se líder mundial no mercado de ônibus nos aeroportos. Albrecht Auwärter, filho mais velho de Gottlob Auwärter, e o engenheiro Bob Lee desenvolvem um modelo que é revolucionário em muitos aspectos, é o ônibus que ficou conhecido como "Hamburg".

Quando ele estreia no Salão de Genebra em março de 1961, suas linhas claras e as janelas laterais de grandes curvas no telhado criam uma sensação. Outro detalhe completamente novo foi o bocal de ventilação do ar-condicionado, onde pela primeira vez, cada passageiro podia ajustar o fluxo de ar de acordo com suas preferências.

Neoplan Hamburg
A partir da década de 1960, a Neoplan continuou a crescer e a desenvolver projetos inovadores e que são referência no segmento de transportes até os dias de hoje. Conheça alguns destes modelos, desde os mais antigos até os atuais:

SKYLINER - O Primeiro Double-Decker (1964).

CITYLINER - O Primeiro ônibus High-Deck (1971)

JETLINER (1973)

JUMBOCRUISER (1975)

Acervo: Globus Reisen
SPACELINER - O ancestral dos atuais LD e HD (1979)

TELEBUS (1979)

METROLINER (1988)

MEGALINER (1992)

STARLINER (1996)

A Neoplan, por muitos anos tinha sua razão social registrada como "Gottlob Auwärter GmbH & Co KG". Essa nomenclatura durou até 2001, quando a marca foi adquirida pela MAN AG, mudando para "Neoman Bus GmbH", mantendo a marca Neoplan estampada em seus ônibus.

Para diferentes aplicações, podem ser criadas curiosas configurações de ônibus, como por exemplo, o modelo de ônibus elétrico, mostrado logo acima. Dentre os mais exóticos ônibus já produzidos pela Neoplan, vale destacar dois modelos:

Volkswagen Carlux: Baseado na Kombi, modelo de sucesso mundial da Volkswagen, a Neoplan fabricou o Carlux, que exibia linhas similares aos seus ônibus da época e proporcionava um maior espaço interno, além de uma melhor visibilidade, causada pela maior área envidraçada.

Neoplan Hotelbus: Produzido na década de 1960 e adaptado para viagens internacionais, o Hotelbus oferecia conforto, similar ao de vários hotéis, ao passageiro que buscava se deslocar em grandes distâncias. Ele era baseado no modelo Hamburg, da própria Neoplan.

Atualmente, a empresa disponibiliza quatro modelos de ônibus: Skyliner, Tourliner, Cityliner e Jetliner (clique em cada nome para conferir um pdf dos modelos), todos esbanjando soluções tecnológicas a frente de seu tempo, e mantendo a imagem de modernidade que a Neoplan carregou em toda sua trajetória.

Fonte: Internet
Pesquisa: Peterson Pedrosa/Ismael Bernardino
Redação: Peterson Pedrosa/Narcísio Santos/ Ismael Bernardino
Edição de imagens: Peterson Pedrosa/Narcísio Santos/Ismael Bernardino

Nenhum comentário:

Tradutor