MOB conhece novos automáticos da Viação Princesa Conheça os dois hobbys que andam juntos: Busologia e Spotting Prefeito afirma vir articulados para corredor da Aguanambi Uma história exclusiva do Ciferal Jardineira Diversas fotos de ônibus antigos no MOB Relíquias. Clique nessa foto São Benedito oferece visita ao MOB Ceará

quarta-feira, 23 de maio de 2012

Transporte público de Fortaleza será destaque em Campo Grande

Na quinta-feira (24), às 19h, o PT estará promovendo uma palestra sobre transporte coletivo no Comitê da Pré-Campanha de Campo Grande. Com o título "Sistema de Transporte no Município de Fortaleza - Principais Avanços e Melhorias", a diretora técnica da Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), Calina Bertini, estará apresentando a experiência da capital cearense com seu transporte público, atualmente um dos que possui a menor tarifa do Brasil: R$ 2,00.

O evento tem o objetivo de fomentar o debate em torno de soluções para a redução da tarifa de ônibus em Campo Grande - a segunda mais cara do País, atrás somente de São Paulo. A palestra deve apontar ações que serão incorporadas ao Programa de Governo a ser defendido pelo PT na Capital. Entre os pontos a serem abordados na palestra estão a planilha tarifária de Campo Grande, quilometragem produtiva, quilometragem improdutiva, demanda de passageiros transportada, arrecadação do sistema e controle das gratuidades.
 


Currículo

Calina Barros de Oliveira Bertini é engenheira civil graduada pela Universidade Federal do Ceará (UFC), possui MBA em Finanças pelo Instituto Brasileiro de Mercado de Capitais (Ibmec-RJ), Mestrado em Engenharia de Produção pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ) e Doutorado em Economia pelo consórcio UFC/University of Illinois at Urbana-Champaign. 

Entrou para a Etufor em 2005, Justamente a partir de 2005, a capital cearense passou a ser conhecida nacionalmente pelo transporte coletivo de qualidade e com uma das tarifas mais baixas do País. Até fevereiro de 2011, enquanto o campo-grandense pagava R$ 2,70 pelo passe de ônibus, os fortalezenses desembolsavam apenas R$ 1,80, valor que estava congelado há quatro anos. Em abril de 2011 a tarifa foi reajustada para R$ 2,00, mas permaneceu como a mais barata do Brasil, ao lado de Brasília (com exceção da tarifa para algumas cidades satélites) e Belém. 

Fonte: MS Notícias
Foto: Acervo MOB Ceará

Nenhum comentário:

Tradutor