MOB visita Viação Princesa e as duas garagens da Vega Mercedes-Benz domina 84% do sistema urbano de Fortaleza A história mais recente da linha 200 Costa Verde vende Ideales e padroniza com G7 Volvo ganha representatividade em Fortaleza Recorde o carro 48 da Viação Paraipaba MOB Ceará realiza visita técnica na Cequip

sábado, 11 de março de 2017

Gontijo desativa alguns de seus Busscar Jum Buss

A Empresa Gontijo de Transportes, desativou alguns de seus Busscar Jum Buss.



Os ônibus desativados foram adquiridos 0 Km, e fizeram parte da vasta história da empresa nos últimos anos, operando em diversas linhas estaduais, interestaduais e nos deslocamentos de final de ano em rotas interligando São Paulo e Rio de Janeiro para cidades da região nordeste. Alguns desses veículos rodaram à serviço da extinta Viação São Geraldo, do mesmo grupo empresarial. 

Os carros da série "15", que são numerados em uma sequência de 5 em 5, contando a partir do código 15000 ao 15145, são batizados carinhosamente pelos mineiros de "Boi Bandido", pela robustez apresentada durante todos esses anos que os veículos estiveram em operação. 


Seguem abaixo os prefixos de alguns dos recém vendidos da série "15":

15025, Busscar Jum Buss 360 geração 1995 - Scania K113TL: 

15125, 15130 e 15145, Busscar Jum Buss 360 geração 1995 - Scania K113TL :


Apenas um veículo da série 15200 foi desativado. Um Busscar Jum Buss 360 geração 1998, chassi Scania K124, prefixo 15270.


As séries mais antigas, "9" e "10", também apresentam alguns carros desativados.


Esses ônibus faziam o serviço apelidado de "barranco", onde a Gontijo realiza o transporte de seus funcionários da matriz da empresa, na capital Belo Horizonte, em deslocamento para alguns bairros e também cidades da região metropolitana.

Segue a baixo os desativados da série "9" e "10", todos do modelo Busscar Jum Buss 340 com chassi Scania K113CL:

9870:


10085 e 10090:


Fonte: MOB Ceará
Colaboração: Andrey Gustavo
Redação: Roger Gomes
Revisão: Narcisio Santos / Arthur Mikael

Um comentário:

Mateus Pinheiro de Carvalho disse...

boas lembranças, que pena que estao indo.

Tradutor