Ceará Diesel apresenta novidades em evento noturno MS Turismo realiza visita e passeio com o MOB Ceará MOB Ceará conhece Via Metro e Guanabara de Juazeiro do Norte Busólogos procuram relíquias em Redenção-CE Visita na Viação Pernambucana MOB Ceará participa de evento em Londrina-PR Busca de antiguidades em Juazeiro do Norte

segunda-feira, 4 de abril de 2016

Estatísticas da renovação 2001 de Fortaleza

O ano de 2001 foi um período bastante movimentado na grande maioria das empresas de ônibus de Fortaleza.



Naquele ano, 18 empresas renovaram sua frota, e escolheram chassis das marcas Mercedes-Benz e Volkswagen, as mais populares de Fortaleza nos últimos 23 anos.



No ano citado, o sistema passava por diversas mudanças, pois entravam duas novas empresas sendo uma, a Costa do Sol, que estava substituindo a Angelim, e a outra foi a Botucatu, que estava iniciando suas operações nas linhas da CTC. As duas encomendaram seus novos veículos para a montadora Caio, entretanto, cada uma delas trabalhou com uma marca de chassi diferente. Foram inseridos naquele momento pelas duas, um total de 76 carros novos, sendo 16 micro ônibus e 60 Caio Apache S21.



O MOB Ceará fez um levantamento de dados, e vai apresentar uma estatística relacionada à renovação de frota daquele ano, que contou com 211 novos ônibus, confira:




Naquele ano, as empresas CTC, São José, Salete, Autoviária Freitas e Irmãos Bezerra não adquiriram carros novos. As empresas de códigos: 09 e 22 não estavam em condições financeiras para renovação com carros novos naquele momento, a 18 adquiriu alguns Caio Alpha 96/97 da Maraponga, a 24 foi vendida para a Expresso Timbira, rodando até final de Abril e a São José havia feito uma grande renovação no ano passado, tendo como seu veículo mais velho, os Caio Vitória 1995 de chassi Ford B1618, mantendo uma excelente idade média da frota, dispensando as compras naquele período.


Fonte: MOB Ceará

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário sobre nossas matérias, ou mande sugestões através do contato mob[email protected]
Ressaltamos que não nos responsabilizamos pelo conteúdo dos mesmos.

Tradutor