MOB conhece novos automáticos da Viação Princesa Ranking das frotas mais novas do metropolitano Prefeito afirma vir articulados para corredor da Aguanambi Uma história exclusiva do Ciferal Jardineira Diversas fotos de ônibus antigos no MOB Relíquias. Clique nessa foto São Benedito oferece visita ao MOB Ceará

quarta-feira, 9 de março de 2016

Scania destaca biarticulado em feira de Transportes no México

A Scania quer aumentar a participação da marca em sistemas de corredores de ônibus de maior capacidade, os BRTs, em toda a América Latina.


Uma das principais montadoras no mundo, a Scania aposta no crescimento dos sistemas de BRT e não quer perder o momento da expansão destas estruturas na América Latina.

Em outubro do ano passado, a fabricante lançou no Brasil um produto já conhecido em alguns países da região, como México e Colômbia, o modelo Scania F 360 HA, biarticulado da marca com motor dianteiro. Até então, no Brasil, somente a Volvo apresentava ônibus de 25 a 28 metros de comprimento.

Na Expo Foro 2016, feira realizada na semana passada no México, dedicada aos transportes Coletivos, a Scania destacou o modelo como solução de mobilidade.

A montadora enfatizou que o ônibus biarticulado transporta em torno de 300 pessoas, podendo retirar de uma só vez 150 carros das ruas, levando em consideração que a média de ocupação dos carros em todo mundo é de duas pessoas por veículo. Também testado no Brasil, onde um veículo feito na Suécia e Polônia circulou em cidades como São Paulo, e já presente em parte da América Latina, o ônibus a gás natural da Scania também foi outro destaque da montadora na feira. O K280 4X2 pode ser encontrado em sistemas, por exemplo, na Colômbia.

Para o segmento de ônibus rodoviários, a montadora exibiu o K440 nas versões de 2 ou 4 eixos.



De acordo com o diretor geral da Scania no México, Enrique Enrich, outra solução apresentada pela empresa foi um sistema chamado Scania Communicator, que permite por conexão de internet acesso em tempo real às operações dos ônibus permitindo assim monitoramento do desempenho da frota e também do rendimento de cada veículo.


Fonte: Blog Ponto do Ônibus

Nenhum comentário:

Tradutor