MOB conhece novos automáticos da Viação Princesa Ranking das frotas mais novas do metropolitano Prefeito afirma vir articulados para corredor da Aguanambi Uma história exclusiva do Ciferal Jardineira Diversas fotos de ônibus antigos no MOB Relíquias. Clique nessa foto São Benedito oferece visita ao MOB Ceará

quarta-feira, 1 de outubro de 2014

Rota Expressa encerra suas operações no SIT

Ontem, 30 de Setembro de 2014, o sistema de transporte urbano de Fortaleza recebeu, pela última vez, os serviços prestados pela Rota Expressa - empresa que surgiu através de uma cisão da Autoviária São Vicente de Paulo em 1999.

A Rota Expressa, que atualmente era considerada a menor empresa dentre as 14 operantes do SIT-For, encerrou suas atividades ontem, e nesta edição, o MOB Ceará vai abordar os principais tópicos históricos em relação a empresa.

Em 1999, a empresa surgiu da divisão operacional da Autoviária São Vicente de Paulo, a empresa Rota Expressa, possuia quase 80 tabelas em linhas de grande movimento, como 051-Grande Circular 1, 600-Messejana/Centro, 676-Curió entre outras.

No Ano 2000, ela é contemplada com 3 novas linhas que são criadas pela ETTUSA, são as linhas 631-Carlos Albuquerque ( linha que leva o nome do fundador da empresa Autoviária S. V. de Paulo), 643-Barroso Circular e 660-Conj. Palmeiras/Centro-Expresso. Também no ano de 2000, foi a primeira e única empresa urbana a adquirir o modelo Busscar Urbanuss sobre o chassi Scania F-94, sendo também a última do segmento urbano a adquirir o chassi Scania até o momento.

No segundo semestre de 2001, a empresa foi dividida, cedendo uma  parte para Rota Sol, algumas linhas da Rota Sol vieram para a Rota Expressa como a 068, 052, 650 e outras da Rota Expressa, passaram a ser operadas também pela Rota Sol. 

No ano de 2002, concorre a licitação da CTC e ganha 3 vagas na linha 045-Conjunto Ceará/Papicu via Montese e 1 tabela na 043-Conjunto Ceará/Lagoa, expandindo assim suas atividades para o Terminal do Conjunto Ceará e Lagoa.

Em dezembro de 2003, mais uma vez é dividida, dando origem a empresa Terra Luz, que já começa as operações com grande parte da frota da empresa, deixando a Rota Expressa apenas com 10 ônibus, que operavam somente nas linhas 628, 631, 632, 643 e 660.





Em 2009, ocorre uma divisão total das empresas Rota Expressa e Terra Luz, e desta vez a empresa salta de 10 para 41 veículos. E mais uma vez chama atenção na renovação de frota na compra de veículos Marcopolo, já que a empresa nunca havia adquirido veículos zero km desta encarroçadora.  
No ano de 2009, a Rota Expressa ganhou o Certificado Empresa 100%, entregue às empresas de transporte que não apresentaram multas ambientais e comprovaram 100% de aprovação em sua frota operante, através das aferições de motores realizadas pelo Núcleo Sócio-Ambiental da Cepimar.

Em 2012 venceu a licitação do transporte urbano de Fortaleza e fez uma renovação histórica dos últimos 5 anos, adquirindo entre 2012 e 2013, mais de 23 veículos novos.

Desde 2010, a empresa ostentava uma frota muito conservada, em relação a todos os tempos de serviços, bem como uma manutenção impecável, conseguindo operar com apenas dois carros reservas para uma frota de 50 veículos.
Porém, por conta de diversas dificuldades, a empresa acabou não resistindo, retirando seus veículos de suas respectivas linhas de atuação ontem.

Hoje, as empresas de todos os consórcios assumiram as linhas as quais a empresa atuava, e é com muita tristeza que o MOB Ceará dá essa noticia aos leitores deste blog.

Em edições passadas, o MOB Ceará produziu uma matéria que especulava uma utópica capital cearense sem padronização da pintura, e a Rota Expressa também recebeu sua proposta de pintura, que agora, ganha ares de homenagem.


O MOB Ceará manifesta o seu sentimento de pesar, pois a partir desta data, a variedade de empresas no sistema está menor, restando apenas 13 empresas operantes. Agora, ficarão somente as lembranças desta empresa que um dia já chegou a possuir quase 94 veículos em atividades.

A Rota Expressa sempre recebeu muito bem os busólogos do MOB Ceará, e os busólogos só tem a agradecer pelo tempo em que visitaram as dependências da garagem. Adeus querida ''33''.




Fonte: MOB Ceará

8 comentários:

Anônimo disse...

Porque ela resolveu sair???
E o que ela vai fazer com os veículos? ??

Anônimo disse...

Estranho sair assim de uma hora pra outra, mas uma dúvida é :O q vai acontecer com os carros da 33? : (

Anônimo disse...

e uma pena mesmo.quem vai operar de forma fixa as suas tabelas?

Anônimo disse...

Agora é que a Vega e a Viação Fortaleza vão atuar mais ainda naquela região da Messejana

Anônimo disse...

Peguei o último carro da rota expressa foi no último sábado no ant bezerra no prefixo 33205, na linha 051

Jorge Luiz Forte Anastácio disse...

Realmente é muito triste para nós busólogos e usuários receber uma noticia desta natureza, é como se alguém bem próximo estivesse indo embora.
Neste momento pensamos de quem é a culpa?...
Só lamento e esperando que outra venha a substitui-la com a mesma presteza.
Adeus 33.

Cicera Canuto disse...

Virou moda abrem falência para não pagar os direito trabalhista dos funcionarios

Cicera Canuto disse...

Virou moda abrem falência para não pagar os direito trabalhista dos funcionarios

Tradutor