MOB conhece novos automáticos da Viação Princesa Ranking das frotas mais novas do metropolitano Prefeito afirma vir articulados para corredor da Aguanambi Uma história exclusiva do Ciferal Jardineira Diversas fotos de ônibus antigos no MOB Relíquias. Clique nessa foto São Benedito oferece visita ao MOB Ceará

terça-feira, 25 de junho de 2013

Bolsões e linhas especiais garantem a mobilidade dos torcedores até a Arena Castelão

O esquema de transporte para levar os torcedores até a Arena Castelão foi repetido na partida entre Nigéria e Espanha, realizada ontem (23). Cerca de 30 mil torcedores atenderam ao chamado da Prefeitura de Fortaleza e contaram com um serviço ágil, gratuito e seguro no deslocamento até o estádio.

De 10h às 20h foram realizadas aproximadamente mil viagens entre os bolsões e os bloqueios de acesso, além de centenas de outras viagens realizadas para transportar pessoas com mobilidade reduzida entre os bloqueios e as proximidades do estádio. Grávida, crianças, idosos e pessoas com deficiência utilizaram o serviço.

Sem qualquer barreira ou imprevistos, a chegada até o estádio aconteceu de forma ordeira. Por medida de segurança, a Av. Alberto Craveiro não foi utilizada para embarque e desembarque. Os passageiros que saíram da zona hoteleira chegaram pela Av. Dedé Brasil, de onde também chegavam as linhas que vinham dos bolsões do Campus do Pici, do supermercado Assaí (Parangaba) e do Aeroporto. Já na Av. Paulino Rocha, em frente a Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma), continuou recebendo os torcedores que vinham dos bolsões do Centro de Eventos, Universidade de Fortaleza, Shopping Via Sul e Cambeba.


Antes do final da partida, os 250 ônibus que foram utilizados para realizar a operação foram posicionados para aguardar a saída do público. A meta era realizar a operação de volta em uma hora e trinta minutos, mas a organização do trabalho permitiu a evacuação total em uma hora e quinze minutos, superando as expectativas. Para se ter uma ideia da dimensão do trabalho realizado, somente o público transportado pelos coletivos de Fortaleza foi maior do que o público total da partida entre Uruguai e Taiti, realizado na Arena Pernambuco (Recife), que foi de aproximadamente 25 mil pessoas.

O mesmo esquema será realizado na próxima quinta-feira (27), quando será realizada a partida da semifinal da Copa das Confederações, entre Itália e Espanha. A Prefeitura continua orientando que a população dê preferência ao transporte coletivo, pois os veículos particulares e táxis não podem transpor os bloqueios viários.

Fonte: ETUFOR

Nenhum comentário:

Tradutor