MOB conhece novos automáticos da Viação Princesa Ranking das frotas mais novas do metropolitano Prefeito afirma vir articulados para corredor da Aguanambi Uma história exclusiva do Ciferal Jardineira Diversas fotos de ônibus antigos no MOB Relíquias. Clique nessa foto São Benedito oferece visita ao MOB Ceará

terça-feira, 4 de dezembro de 2012

Exclusivo: Expresso Guanabara desativa Ideales

Um flagra exclusivo foi feito pela equipe da Paraíba Bus Team no Rio de Janeiro. Dentro da garagem da Útil no bairro de Ramos, na capital carioca, apareceram quatro Ideales oriundos da Expresso Guanabara já descaracterizados. Fabricados em 2011, a desativação desses ônibus, que possuem pouco mais de um ano de operação na empresa cearense causou surpresa a todos. 

O carro clicado é o antigo 103 da Guanabara.
A aparição desses carros despertou muitas suspeitas já que não foi divulgado pela Útil o motivo da vinda deles para o Rio. Algumas hipóteses que estão sendo cogitadas é o uso deles pela Útil em linhas intermunicipais do RJ que foram repassadas da Normandy para ela, para renovar a frota da única linha que sobrou da Normandy (Castelo X Vila Valqueire) ou para o fretamento do TJ-RJ que também pertence a empresa parcialmente extinta.

Para aqueles que não sabem, a Útil e a Expresso Guanabara pertencem ao mesmo grupo controlador, o Grupo Guanabara do empresário paraense, radicado no Rio de Janeiro, Jacob Barata. É um hábito constante no grupo o repasse de carros entre as empresas.

Uma outra hipótese é a utilização desses carros na linha de integração entre a Barra da Tijuca e a rodoviária Novo Rio da Auto Viação Tijuca que utilizava um Road ex-Útil e dois Viaggios ex-1001 nessa linha. Hoje a Tijuca utiliza um Ideale "emprestado" pela Útil mais dois Ideales 0 Km da própria empresa.

Alguns desses Ideales chegaram a rodar na Paraíba operando as linhas intermunicipais da Guanabara.

Fonte: Portal Ônibus Paraibanos - Parceiro MOB Ceará
Matéria/Texto: JC Barboza
Fotos: Acervo Paraíba Bus Team/Acervo MOB Ceará/Leandro Sousa

Nenhum comentário:

Tradutor