MOB Ceará participa de reportagem acadêmica sobre busologia Ranking das frotas mais novas do metropolitano Conheça a nova linha da Busscar Veja a lista dos ônibus mais geladinhos de Fortaleza. Concorda? Uma história exclusiva do Ciferal Jardineira São Benedito oferece visita ao MOB Ceará

sábado, 12 de janeiro de 2013

Da Cidade Maravilhosa à Terra da Luz

O MOB Ceará apresenta hoje mais uma curiosidade inerente ao universo dos ônibus, objeto de nossa admiração e estudo: A entrada de ônibus usados no sistema de transportes de nossa querida capital.

Em especial, esta matéria visa destacar os carros oriundos do Rio de Janeiro que atualmente desfilam pelas ruas e terminais integrados de Fortaleza, ou ainda, os carros que, por motivos variados, não estão mais em operação.

A Cidade maravilhosa é conhecida por ter uma frota com idade média entre as mais baixas do país, reflexo das constantes renovações realizadas pelas empresas e que, para muitos empresários, representam excelentes oportunidades de se adquirir ônibus com pouco tempo de uso e por preços competitivos.

Nos anos 90, empresas como a Viação Fortaleza e as saudosas Nossa Senhora Aparecida,  Autoviária São Vicente de Paulo e São Francisco tiveram em suas trajetórias algumas compras.

Nos anos 2000 também ocorreram aquisições dos usados do Rio, e é com base nos anos entre 2002 e 2012 que vamos apresentar uma pesquisa sobre a entrada dos ''cariocas'' em nosso sistema.

2002

Em 2002 a extinta empresa São Francisco adquiriu um Viale da Normandy, empresa que na época usava uma pintura totalmente idêntica a que a Expresso Guanabara adotou até 2005.



2003

Em 2003 a também extinta Empresa Salete, que na época já estava de posse do dono da atual Cearense (43), adquiriu 2 Ciferal Turquesa com chassi OF-1417.

Os carros passaram pouco tempo sob as mãos da Salete e foram transferidos para a Cearense, sendo vendidos, posteriormente, para a São Benedito.

Acompanhe, ao lado, uma imagem de quando um deles ainda estava operando pela Cearense.




No final de 2003, já era possível observar a chegada, na Terra da Luz, de parte dos 37 carros usados oriundos do Rio de Janeiro que a Viação Fortaleza adquiriu. Esta foi a maior compra de usados do Rio de Janeiro a ser realizada por uma empresa de Fortaleza, no total, foram 21 Ciferal Turquesa de ano 2000, 6 de ano 2001 e 10 Marcopolo Viale ano 2001. Todos os 37 veículos possuíam chassi MB OF-1417, sendo que os prefixos dos carros 2000 iam do 02024 ao 02044, e dos 2001 eram do 02121 ao 02135 e o 02118.

 
2004

Em 2004 foi a vez da então recém formada empresa Cidade Luz trazer, para nossa cidade, oito veículos Ciferal com chassi OF-1417 e ano de fabricação 1999, os prefixos iam do 40968 ao 40975.



2005

Em 2005 a Via Máxima adquiriu 6 micros 2002 com a carroceria Marcopolo Senior para rodarem na linha 701-Parque Americano, foram os prefixos 04206 ao 04210 que substituíram os recém adquiridos Citmax da Bahia.

Poucos meses após a primeira aquisição, vieram mais 6 micros, desta vez, ano 2003, de prefixos 04318 ao 04323, estes foram escalados na linha 702-Av. Antônio Sales.



2006

Em 2006 nenhum carro ''carioca'' foi acrescentado ao nosso sistema.

2007

No ano de 2007 a empresa São Benedito trouxe do setor metropolitano o carro 410, que havia sido adquirido em meados de 2003. O mesmo recebeu, em nosso sistema, o prefixo 39006, como é possível observar na imagem abaixo:

 
2008 

Em 2008, novamente, a Viação Via Máxima adquiriu micros oriundos da Cidade Maravilhosa, foram 3 Caio Foz sob chassi MB LO-915, os veículos receberam os prefixos 04606, 04607 e 04608.


2009

Mais uma vez a Via Máxima fez uma aquisição de veículos usados do estado do Rio de Janeiro, desta vez foram 10 Caio Apache Vip com chassi MB OF-1418, sendo que os carros receberam os prefixos 04609, 04610, 04611, 04612, 04621, 04622, 04631, 04632, 04641 e 04642.


2010 e 2011  

No período compreendido entre os anos de 2010 e 2011 não houve aquisição de usados.

2012

E pra finalizar, vamos detalhar as aquisições dos ''cariocas'' que migraram para nossa Terra da Luz, começando pela Cearense, que adquiriu 7 Neobus sob chassi OF-1722, de ano 2009 e 1 de ano 2010, também OF-1722, os Neobus receberam os prefixos 43908, 43909, 43911, 43912, 43913, 43914, 43915 e 43040.

No fim do ano ainda veio um Citmax de ano 2006, e este recebeu o prefixo 43690.


A Viação Fortaleza, que depois de 9 anos resolveu fazer mais uma compra de "cariocas", comprou 3 Senior Midi 2009, estes receberam os prefixos 02933, 02934 e 02935.



A São José adquiriu 4 Neobus Spectrum City, ano 2010, oriundos da Braso Lisboa, os carros receberam os prefixos 12010, 12013, 12014 e 12015.



No total, entre os anos de 2002 até 2012, foram adicionados, no SIT de Fortaleza, exatamente 90 carros oriundos do Rio de Janeiro.

E ai? Gostou de saber dessa curiosidade? Então fique ligado no MOB Ceará que aqui você tem informação em primeira mão.

Fonte: MOB Ceará

2 comentários:

André Luiz Gomes de Souza disse...

Eu adorei a cobertura do MOB sobre a minha cidade natal que mandou ônibus para Fortaleza, gostaria de ver a matéria do Top Bus que teve Senior G6 rodoviário ex-Saens Pena e tb o Micruss ex-Saens Pena.

Francisco Roberto disse...

Eu prefiro mil vezes, estes ônibus usados do Rio de Janeiro, pois todos possuem poltronas acolchoadas. Do que os ônibus novos com bancos duros!

Tradutor