MOB conhece novos automáticos da Viação Princesa Ranking das frotas mais novas do metropolitano Prefeito afirma vir articulados para corredor da Aguanambi Uma história exclusiva do Ciferal Jardineira Diversas fotos de ônibus antigos no MOB Relíquias. Clique nessa foto São Benedito oferece visita ao MOB Ceará

quarta-feira, 3 de outubro de 2012

Uso irregular do transporte escolar será alvo de fiscalização

A partir da zero hora de quarta-feira (3), será intensificada a fiscalização do uso de transporte escolar em período eleitoral. Uma ação conjunta da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), Polícia Militar, Polícia Rodoviária Estadual (PRE), Polícia Rodoviária Federal (PRF), Procuradoria Regional Eleitoral e  Tribunal de Contas do Estado do Ceará (TCE), responsável por fiscalizar a aplicação dos recursos públicos estaduais, vai impedir o uso de bens públicos para fins eleitoreiros.

Ação terá início já nesta quarta-feira (3) e vai até o próximo domingo, dia das eleições


A parceria entre os órgãos foi fechada na manhã desta segunda-feira (1º) pelo presidente do TCE, Valdomiro Távora, pelo secretário da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), Coronel Francisco José Bezerra Rodrigues, pelo Comandante da Polícia Militar do Ceará, Cel Werisleik Matias, pelo Comandante da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), Tenente Coronel Túlio Studart, pelo Chefe do Núcleo de Apoio Técnico da Polícia Rodoviária Federal, inspetor Alexsandro Luís, e pelo Procurador Regional Eleitoral, Márcio Andrade Torres.

Ficou acertado que apenas os veículos da administração pública requisitados pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) – e devidamente cadastrados – poderão circular. Mesmo assim, os policiais/fiscais irão parar todos os carros para conferir a documentação do cadastro. Os veículos que estiverem circulando em funções irregulares serão apreendidos e os gestores receberão a devida punição. Caso algum veículo seja flagrado com militantes ou eleitores, os motoristas serão levados à delegacia. Se o flagrante for realizado no final da semana, quando não há aulas, o veículo será retido até o início da semana. A fiscalização será ainda mais intensa de sexta-feira (5) a domingo (7), período em que não haverá aula.

A utilização de meios de transportes pertencentes à União, Estados, Territórios e Municípios em campanha eleitoral caracteriza crime eleitoral, cuja pena é o cancelamento do registro do candidato ou de seu diploma, se já houver sido proclamado eleito. No Ceará, o Tribunal de Contas do Estado já fiscaliza há dois anos o uso irregular do transporte escolar, por meio da 5ª Inspetoria de Controle Externo (5ª ICE).

Fonte: CNews

Nenhum comentário:

Tradutor