MOB conhece novos automáticos da Viação Princesa Conheça os dois hobbys que andam juntos: Busologia e Spotting Prefeito afirma vir articulados para corredor da Aguanambi Uma história exclusiva do Ciferal Jardineira Diversas fotos de ônibus antigos no MOB Relíquias. Clique nessa foto São Benedito oferece visita ao MOB Ceará

quarta-feira, 25 de julho de 2012

Wi-Fi funciona mesmo

Iniciativas de serviço de Internet Wi-Fi gratuita em espaços públicos de Fortaleza oferecem aos usuários mais opções de conexão. O acesso ao universo on line se torna mais fácil por meio de dispositivos móveis e vai modificando, aos poucos e ainda para poucos, a forma de se conectar.

São três paradas de ônibus na Capital e seis praças no Centro que dispõem de Internet gratuita para aqueles que quiserem acessar utilizando celulares, computadores ou tablets. Ontem, O POVO visitou cinco pontos para testar o serviço oferecido à população. Em todos, foi possível acessar e-mail, redes sociais, portais de notícia e sites de busca com diferentes graus de dificuldade.

Nas paradas de ônibus, a rede foi facilmente identificada e a conexão foi eficiente. Em alguns locais, o sinal continuava acessível mesmo atravessando a rua ou dobrando a esquina; em outros, o sinal enfraquecia e impedia a atualização das páginas.

Segundo Nelson Gurgel, gerente de marketing da Ibyte, responsável pelo projeto “Parada Wi-Fi” em parceria com a Intel, o sinal é monitorado diariamente. A intenção é ampliar o serviço no fim da fase piloto, em setembro, e, a partir disso, realizar uma maior divulgação.

Para Daniela Teixeira, 23, a iniciativa é ótima porque as pessoas passam muito tempo nas paradas e a Internet pode ser útil. A questão que divide muitas opiniões e faz surgir críticas ao serviço é a insegurança vivenciada nas ruas. Érica Cavalcante opinou que as pessoas já andam com celular na rua e é necessário ter atenção. A comerciante Valéria Viana lembra que assalto tem em todo lugar e o importante é ter cautela em determinados locais. Para ela, o mundo está evoluindo e é preciso acompanhar as inovações.

Nas praças

Na praça Coração de Jesus, o primeiro acesso à rede disponibilizada pela Prefeitura exigiu um cadastro com dados como nome, CPF, e-mail, data de nascimento e telefone. No entanto, um problema de reconhecimento impediu a finalização do cadastro, sendo necessário pedir informações ao Comitê Fortaleza Digital e Criativa.

Após a solução da questão (a data de nascimento precisava ser incluída em uma ordem diferente da usual, o que já está sendo resolvido pelos técnicos), a conexão foi realizada e as atualizações de páginas demoravam poucos segundos. Por serem espaços amplos, nas praças Coração de Jesus e da Liberdade, o sinal oscilava de acordo com o local.

Para a cabeleireira Veridiane Cruz, que aguardava ônibus na Coração de Jesus, a ideia é muito boa, mas precisa de mais divulgação. Segundo o secretário-executivo do Comitê Fortaleza Digital e Criativa, Uirá Porã, o projeto está entrando na terceira fase e a intenção é finalizar os testes em breve. Segundo ele, o projeto ainda é piloto justamente para checar a área de abrangência, velocidade e formas de acesso. A ideia é estimular o uso desse serviço com a população.

Nas paradas de ônibus, o serviço parte da iniciativa privada e foi disponibilizado no início de julho. Nas praças, a Internet é oferecida pelo projeto Praças Conectadas, da Coordenadoria de Tecnologia da Informação da Prefeitura. Os projetos, que são pilotos, passam por testes.

ENTENDA A NOTÍCIA

Nas três paradas de ônibus e seis praças do Centro de Fortaleza, é possível ter acesso à Internet por meio de aparelhos celulares, tablets ou computadores. O serviço é oferecido pela iniciativa privada (nas paradas) e pela Prefeitura (nas praças).

Fala, internauta

“Louco é quem vai ter coragem de usar seu celular ou notebook abertamente na rua. Deviam colocar também um policial em cada parada de ônibus”. (Francisco Araújo)

“Ótima iniciativa! Acessei a Internet no abrigo da 13 de Maio”. (Marcos Márcio)

“A ideia é louvável... Mas vamos torcer para não desvirtuarem”. (Alexsandro de Carvalho)

“Não é preciso coragem para acessar Internet em uma parada de ônibus, mas sim loucura! Essa realidade não é compatível com a realidade sem segurança que vivemos”. (Caio)

Serviço
Onde acessar Internet Wi-Fi de forma gratuita:
Praças: do Ferreira, da Estação, do Santuário de Coração de Jesus, Cidade das Crianças, José de Alencar, Passeio Público.

Paradas de ônibus: da Praça do Santuário de Fátima, na avenida Dom Luís (entre as ruas Oswaldo Cruz e Joaquim Nabuco) e próximo ao Shopping Iguatemi.

Fonte: O POVO
Foto: Deivyson Teixeira

Nenhum comentário:

Tradutor