MOB conhece novos automáticos da Viação Princesa Conheça os dois hobbys que andam juntos: Busologia e Spotting Prefeito afirma vir articulados para corredor da Aguanambi Uma história exclusiva do Ciferal Jardineira Diversas fotos de ônibus antigos no MOB Relíquias. Clique nessa foto São Benedito oferece visita ao MOB Ceará

sexta-feira, 23 de março de 2012

Prefeitura anuncia nova intervenção do Transfor

Como parte de mais uma etapa do Programa de Transporte Urbano de Fortaleza (Transfor), a Prefeitura anunciou nova restauração da Avenida Visconde do Rio Branco. Amanhã, a partir das 9h, o trecho entre a Rua Arthur Simões e a Avenida Antônio Sales será interditado para a realização de trabalhos de terraplenagem, drenagem, pavimentação, padronização das calçadas e sinalização.



Essa restauração representa a última etapa dessa série de trabalhos que começou no dia 24 de agosto de 2011 com a recuperação do trecho de 470 metros entre a Avenida 13 de Maio e a Rua Guilherme Moreira. A segunda etapa dos serviços começou no dia 27 de outubro do mesmo ano, dando continuidade ao trecho da Guilherme Moreira até a Rua Coronel Alves Teixeira, continuação da Arthur Simões, com recuperação de 450 metros em um prazo de 120 dias.

Esta última etapa da intervenção apresenta uma previsão de encerramento de dois meses contados a partir de sábado. De acordo com Daniel Lustosa, coordenador do Transfor, esse tempo de execução da obra foi o mínimo conseguido.

"Estamos em uma quadra chuvosa e, devido aos serviços de drenagem e pavimentação, essa foi a previsão mínima de tempo estimado para o encerramento da obra", explica.


Alternativa

Durante a obra, a Avenida Visconde do Rio Branco, que segundo a Autarquia Municipal de Trânsito, Serviços Públicos e de Cidadania de Fortaleza (AMC) tem um fluxo de mais de 18 mil veículos por dia, contará com um desvio pela Arthur Simões e Avenida Aguanambi que possui uma média diária de veículos de cerca de 41mil veículos, ou seja, o motorista que vem na Visconde do Rio Branco, no sentido sertão-praia, deverá, a partir de sábado, dobrar à esquerda na Arthur Simões, à direita na Avenida Aguanambi e, em seguida, à esquerda para retornar à Visconde do Rio Branco.

Mesmo com todo o projeto de desvio de tráfego sendo analisado e aprovado com antecedência pela AMC, é fato que essa paralisação causa transtornos para os condutores que transitam por esse trecho. "Reconhecemos que os problemas existem, mas fazemos todo o esforço para que seja o menor possível. Para isso, oferecemos uma série de serviços de alerta à população", afirma Lustosa.

Conforme o coordenador do Transfor, existe um trabalho que se estende em quatro vertentes para que esses transtornos sejam minimizados. Primeiro, esclarece, há panfletagens nos principais cruzamentos da região com mapas informativos do desvio. Em seguida, são realizadas visitas com assistentes sociais aos comércios e residências para alertar sobre a mudança.

"Os trabalhos também são voltados para a sinalização das vias do entorno a fim de facilitar o tráfego dos veículos. O quarto ponto está ligado à parceria com a AMC que disponibiliza agentes para orientar os motoristas nas vias interditadas", explica Daniel Lustosa.

Atualmente, 12 locais passam por intervenções do Transfor. O programa, implantado pela Prefeitura de Fortaleza, objetiva restaurar ruas e avenidas, tais como Costa Barros, Pontes Vieira, 13 de Maio, Antônio Sales e Padre Valdevino.

Transporte público

Com relação aos transportes coletivos, diversas linhas de ônibus já estavam sendo desviadas desde a segunda parte da intervenção na via.

Algumas continuam envolvidas com a mudança, como: 



  • 601 - Aerolândia I
  • 602 - Parque PIO XII/Ana Gonçalves
  • 603 - Jardim União/ Centro
  • 605 - Conjunto José Walter/ BR 116/Avenida I
  • 606 - Conjunto José Walter/ BR 116/ Avenida N

Fonte: Diário do Nordeste
Foto: Diário do Nordeste/Narcísio Santos

Nenhum comentário:

Tradutor