MOB conhece novos automáticos da Viação Princesa Ranking das frotas mais novas do metropolitano Prefeito afirma vir articulados para corredor da Aguanambi Uma história exclusiva do Ciferal Jardineira Diversas fotos de ônibus antigos no MOB Relíquias. Clique nessa foto São Benedito oferece visita ao MOB Ceará

sábado, 14 de janeiro de 2012

Túnel do Tempo

Este é o novo quadro em nosso blog, traremos aqui noticias do passado, que já foram esquecidas. Essas noticias serão respectivamente apresentadas em sua data de aniversário.

  
HÁ 18 ANOS ATRÁS - APLICADA SELEÇÃO PARA CONTROLADOR DE LINHAS DA CTC

Data:
14/01/1993




As provas de Conhecimentos Gerais e Específicos (Português e Matemática) foram aplicadas ontem na seleção para os 3.472 candidatos inscritos para 150 vagas de controladores de linha da Companhia de Transporte Coletivo (CTC), no Ginásio Paulo Sarasate. Os candidatos, segundo a Chefe de Recursos Humanos da CTC, Ana Cláudia Leite, foram divididos em duas turmas. Dois mil prestaram exames de seleção pela manhã e 1.472 à tarde.

O número de abstenções ainda não foi calculado pela CTC, mas Ana Cláudia confirma que alguns candidatos deixaram de comparecer à primeira fase eliminatória da seleção. Em nível de segundo grau, as provas de Português e Matemática tiveram 10 questões cada uma, sendo estipuladas duas horas para a solução dos quesitos. A data para a segunda fase (exame psicotécnico) e a terceira prova (entrevista) serão divulgadas juntamente com o resultado das primeiras provas, no dia 24 deste mês, através da imprensa.

Sendo o terceiro exame de seleção para fiscais de linha na CTC, Ana Cláudia afirmou que a direção da empresa não tem prazo definido e obrigatório para a contratação dos aprovados, o que deverá acontecer de acordo com a necessidade de contratação de pessoal. Os contratados trabalharão nos terminais do Papicu e Parangaba. O salário atual de um controlador de linha é de Cr$ 1 milhão e 900 mil e os reajustes serão mensais, além de serem beneficiados pelo plano de saúde Unimed e Uniodonto.

Apesar das provas realizadas ontem serem em nível de segundo grau, Ana Cláudia contou que 50 por cento dos candidatos inscritos têm nível superior. Jaqueline Modesto Souza, 24, solteira, no segundo semestre de Pedagogia, leciona há sete anos, mas resolveu se submeter à seleção para fiscal de linha, por estar desempregada. Mesmo com o grande número de concorrentes, ela espera chegar na última etapa dos exames. Já Aldenir da Silva, 20, concluiu o segundo grau há dois anos e considerou a prova de Matemática difícil. Mas ela diz que se tivesse estudado um pouco mais o resultado, seria melhor. Agora é rezar para ser classificada para a segunda fase da seleção – diz.

Fonte: Jornal O Povo

Nenhum comentário:

Tradutor